Arquidiocese do Rio de Janeiro

33º 24º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 18/11/2018

18 de Novembro de 2018

Curso dos Novos Bispos termina com avaliação positiva

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

18 de Novembro de 2018

Curso dos Novos Bispos termina com avaliação positiva

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

16/08/2013 14:50
Por: Site CNBB

Curso dos Novos Bispos termina com avaliação positiva 0

Curso dos Novos Bispos termina com avaliação positiva  / Arqrio
Nesta sexta-feira, 16 de agosto, o último dia do 24º Encontro dos Novos Bispos realizado na CNBB teve uma programação diferenciada e com visita à sede da Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB). Com 57 anos de existência, a entidade tem uma missão bem específica de animar a Vida Religiosa Consagrada no país, contribuindo para a evolução e no seu processo de organização. Ainda no período da manhã, os bispos farão uma avaliação do encontro e, em seguida, participam do almoço de encerramento. Durante uma semana, os novos bispos de diferentes partes do Brasil vieram até Brasília para formação deste início do ministério episcopal, com acompanhamento da Comissão Episcopal Pastoral para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da CNBB.

Na oportunidade, o novo grupo do episcopado conheceu as instalações e os trabalhos realizados pelas Comissões e departamentos da Conferência dos Bispos, e visitou a Nunciatura Apostólica para um diálogo com o Núncio, dom Giovanni D´Aniello. No curso, os bispos também tiveram contato com os documentos da CNBB e estudaram temas como o “Direito Canônico”, “O bispo e sua missão”, “O bispo como animador da liturgia”, entre outros.

Na última quarta-feira, 14 de agosto, os novos bispos visitaram a sede das Pontifícias Obras Missionárias (POM) e o Centro Cultural Missionário (CCM). Os prelados conheceram as instalações, os subsídios disponíveis para animação missionária e os cursos de formação. O trabalho de animar e aprofundar a consciência missionária da Igreja em todo o Brasil é feito em estreita comunhão com a Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária da CNBB, os Conselhos Missionários Regionais (Comires), a Comissão para a Missão Continental, a Comissão para a Amazônia, o CCM, o Conselho Indigenista Missionário (Cimi), a Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB), entre outros organismos.

O secretário geral da CNBB, dom Leonardo Steiner falou aos novos bispos sobre as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil, na quinta-feira, dia 15. Ele ressaltou aos bispos a missão da Conferência em ser um organismo de comunhão e a expressão de colegialidade dos bispos do Brasil. “Temos as Diretrizes Gerais que buscam expressar essa comunhão e dar fundamentos à ação evangelizadora da Igreja no Brasil. Elas tornaram um sinal de uma Igreja que deseja evangelizar, profundamente encarnada e que testemunha o evangelho, uma Igreja samaritana. As diretrizes expressam um grande desejo dos bispos de serem mais evangelizadores, levando em conta especialmente o Documento de Aparecida, buscando encarnar cinco urgências fundamentais que constam no texto”. 

Avaliando o Curso dos Novos Bispos, dom Leonardo reforçou que este é um momento importante para a Conferência Episcopal. “Eles vêm para a casa dos bispos que é a CNBB. Conhecem um pouco o modo como trabalhamos, fazem contato com as comissões, assessores, mas também com os funcionários. Podem ouvir de bispos que estão há mais tempo exercendo seu ministério e saber da organização da Igreja particular que é sinal de comunhão, de ajuda e quando necessário poderem recorrer ao secretariado”, disse dom Leonardo.

Conheça os novos bispos

Dom João Francisco Salm - Bispo de Tubarão (SC), Dom Vital Corbellini - Bispo de Marabá (PA), Dom Elio Rama - Bispo de Pinheiro (MA), Dom Eraldo Bispo da Silva - Bispo de Patos (PB), Dom Darci José Nicioli - Bispo Auxiliar de Aparecida (SP), Dom Valdir Mamede - Bispo auxiliar de Brasília (DF), Dom José Mario Scalon Angonese - Bispo auxiliar de Curitiba (PR), Dom Gabriele Marchesi - Bispo de Floresta (PE), Dom Marco Aurélio Gubiotti - Bispo de Itabira (MG), Dom Luiz Antonio Cipolini - Bispo de Marília (SP), Dom José Aparecido - Bispo auxiliar de Brasília (DF), Mons. José Maria Chaves dos Reis - Bispo de Abaetetuba, Mons. João Gilberto de Moura - Bispo de Jardim, Mons. José Carlos Brandão Cabral - Bispo de Almenara, Mons. Luiz Fernando Lisboa - Bispo de Pemba Moçambique.

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.