Arquidiocese do Rio de Janeiro

29º 23º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 28/11/2020

28 de Novembro de 2020

Cristo Redentor iluminado nas cores do evento mundial “Economia de Francisco”

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

28 de Novembro de 2020

Cristo Redentor iluminado nas cores do evento mundial “Economia de Francisco”

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

17/11/2020 13:40
Por: Redação

Cristo Redentor iluminado nas cores do evento mundial “Economia de Francisco” 0

Cristo Redentor iluminado nas cores do evento mundial “Economia de Francisco”
 
Na noite do dia 21 de novembro, o monumento ao Cristo Redentor será iluminado nas cores do evento mundial “Economia de Francisco”, verde oliva, marrom claro e amarelo.

Trata-se de um encontro online de jovens do mundo inteiro, entre 19 e 21 de novembro, em referência a São Francisco, o Pobrezinho de Assis, que, no século XIII, deixou a fortuna para abraçar a igualdade e a natureza. O evento em Assis será realizado em live streaming no portal francescoeconomy.org, e o Papa Francisco participará virtualmente.

A iniciativa foi desenvolvida a partir do convite que o Santo Padre enviou no dia 1º de maio de 2019, por ocasião da festa de São José Operário, a jovens economistas, estudantes e empresários do mundo inteiro. Na carta-convite, o Papa Francisco explica que Assis é o lugar apropriado para inspirar uma nova economia, pois foi ali que Francisco se despojou de tudo relativo ao mundo para escolher Deus como bússola da sua vida, tornando-se pobre com os pobres e irmão de todos. A decisão de abraçar a pobreza também deu origem a uma visão econômica que permanece atual.

O Papa Francisco, então, convida os jovens a fazer um pacto, no espírito de São Francisco, a fim de que a economia seja mais justa, fraterna, sustentável e com um novo protagonismo de quem hoje é excluído, com a construção de novos caminhos buscando a solução dos problemas estruturais da economia mundial. Para isso, afirma que é preciso questionar as “leis” econômicas que produzem desigualdade e exclusão, compreender que elas são fruto de decisões políticas e que, portanto, podem ser questionadas e transformadas.

O evento terá a participação de alguns especialistas convidados por Francisco para assessorar o encontro (confira a programação: https://francescoeconomy.org/event-programme/). Ao todo, são 2000 participantes de 120 países inscritos, divididos em 12 vilas temáticas e mais de 60 grupos (hubs) de criação e debate de ideias inovadoras. O Santuário Cristo Redentor está presente no evento mundial com a participação do gestor de inovação do Santuário Henrique Sengès, que faz parte das vilas “Vocação & Lucro”, “Trabalho & Cuidado” e “Energia & Pobreza”. “A Economy ofFrancesco é, mais que uma convocação do Santo Padre, um chamado à própria inovação, à reinvenção. Todos nós, seres humanos, como filhos e filhas de Deus, somos chamados a cuidar da criação, como diz o Papa em sua Encíclica ‘Laudato Si’, documento fundamental dentro da EoF. Não podemos negligenciar tamanha responsabilidade de transformar nosso modo de pensar, agir, produzir e consumir de um modo mais inclusivo e igualitário, deixando exemplos concretos para a atual e as futuras gerações. Essa oportunidade, compartilhada entre nós, jovens, pode significar a realização daquilo uma vez sonhado pelo Santo de Assis”, destaca Henrique Sengès.

“O Santuário Cristo Redentor do Corcovado segue o paradigma do Papa Francisco, pautando sua governança em conformidade com a justiça e o desenvolvimento sustentável”, afirma o reitor do Santuário Cristo Redentor, Padre Omar Raposo.

Sobre o evento “The Economy of Francesco”

O evento “Economia de Francesco” seria realizado de 26 a 28 de março de 2020, com atividades presenciais em Assis, mas, devido à pandemia da covid-19, foi adiado para 19 a 21 de novembro de 2020, com transmissão ao vivo pela internet. O próximo encontro, presencial, será realizado na cidade do Santo de Assis e está previsto para o outono de 2021, quando as condições de saúde deverão permitir a participação de todos.
O objetivo do evento, proposto pelo Sumo Pontífice, é o desenvolvimento de uma economia mundial socialmente justa, economicamente viável, ambientalmente sustentável e eticamente responsável. Ao longo dos meses, a organização do evento permitiu, em versão online, que todos os jovens inscritos participassem do encontro nas mesmas condições, compartilhassem experiências, trabalhos e propostas e amadurecessem reflexões.
Dados sobre o evento “Economia de Francisco”

• Conferências preparatórias online, de maio a outubro de 2020, transmitidas no Facebook e YouTube:
- 27 conferências preparatórias online;
- Mais de 40 Países conectados simultaneamente;
- Mais de 60 hubs;
- 45.569 visualizações;
- 23.334 usuários conectados;
- 7.713 horas de visualização.

• O evento “Economia de Francisco”, de 19 a 21 de novembro:
- 2.000 jovens com menos de 35 anos de todo o mundo;
- 120 nações conectadas;
- 56% homens e 44% mulheres;
- 5 jovens, conectados do México, Líbano, Brasil, Uganda, Itália, darão testemunhos;
- 4 horas por dia de transmissão ao vivo do evento e uma maratona de 24 horas no dia 20 de novembro, graças às conexões e contribuições de jovens conectados de 20 países diferentes;
- O local principal será a Basílica de San Francesco d'Assisi conectada com 5 outros lugares significativos para a vida do Santo: Santuário Rivotorto, Igreja de San Damiano, Basílica de Santa Chiara, Santuário da Espoliação e Palazzo Monte Frumentario.

Renato Saraiva
Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.