Arquidiocese do Rio de Janeiro

30º 15º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 04/07/2020

04 de Julho de 2020

Pastoral do Menor e Forças Armadas unidos transformando realidades

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

04 de Julho de 2020

Pastoral do Menor e Forças Armadas unidos transformando realidades

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

26/06/2020 00:51
Por: Redação

Pastoral do Menor e Forças Armadas unidos transformando realidades 0

O surgimento da Covid-19 impactou diretamente no início do Programa
Forças no Esporte (Profesp), suspenso desde março. Infelizmente, com o crescimento da pandemia não houve possibilidade de retorno das atividades. Com isso as crianças e adolescentes, inscritos em 11 organizações militares acompanhadas pela Pastoral do Menor do Rio de Janeiro, estão cumprindo o isolamento social em suas residências.

Diante da realidade, o Ministério da Defesa determinou que as organizações militares utilizassem a verba destinada à alimentação na aquisição de kits alimentos para serem distribuídos para as famílias das crianças e adolescentes que integram o Profesp. De abril a junho foram distribuídos um total de 4.202 kits de alimentos para 2.900 famílias do Profesp e do programa Música e Cidadania.

Missão
A coordenadora técnica dos programas sociais da Pastoral do Menor, Geovana Silva, disse que no período de pandemia e de distanciamento social foi preciso reinventar os trabalhos, sobretudo, com a população mais vulnerável, isto é, as crianças e os adolescentes acompanhados pela instituição, que há mais de 25 anos mantém parcerias com as Forças Armadas.

“Estamos auxiliando na mobilização, organização e articulação que visam parcerias para suprir as necessidades emergenciais, como alimentação e produtos de higiene e também suporte psicológico, além de orientações em relação ao benefício emergencial, ao cadastro único e aos cuidados relacionados à Covid-19. Nossa missão vai muito além do presencial. Mesmo remotamente, estamos em contato com as famílias, com os parceiros, nessa solidariedade para suprir aqueles mais necessitados da nossa cidade”, disse Geovana.

Testemunhos
Desde o início, a parceria da Pastoral do Menor com as Forças Armadas tem transformado realidades, as vidas de muitas crianças e adolescentes, e, por consequência, das famílias. O projeto na área de esporte acontece em sintonia com a educação e prepara os beneficiários para a vida, para enfrentar as realidades do mundo.

Priscila, mãe do adolescente Luiz Eduardo, manifestou sua alegria por ter pessoas que pensam nas famílias dos beneficiários do Profesp, que ajudam na alimentação e por manter a esperança de dias melhores.

“Não vemos a hora de voltar a viver com o que Deus nos agraciou. O projeto chegou em uma ótima hora, me ajudou e vem me ajudando a ensinar ao meu filho disciplina e respeito ao próximo. Agregar valores sempre será a melhor ação, e vocês conseguem fazer isso muito bem. Parabéns a todos os envolvidos, e muito obrigado pelo gesto de carinho, atenção, doação e amor”, disse Priscila.

Já Neuza Santos, mãe da adolescente Vitória Santos, destacou que em tempos de caos e desamor é muito bom sentir e enxergar ações que ajudam e salvam.

“Precisamos de comida para sobreviver, mas precisamos de amor para viver. Diante de todo cenário de desesperança que estamos vivendo, surgem pessoas que nos dão esperança. Agradeço de todo coração, em meu nome e em nome da minha família. Graças a Deus estamos conseguindo nos manter bem e ajudando também a quem podemos ajudar. Temos o compromisso de cuidar um dos outros e ajudarmos na contribuição de uma sociedade melhor. Obrigada por serem semente de esperança no meio de tanto ódio, despreparo e caos. Gentileza gera gentileza, obrigada! Deus os abençoem”, disse Neuza.

Doações
Quem quiser contribuir com a Pastoral do Menor para seguir ajudando as crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social pode fazer acessando a página https://bit.ly/DoePastoralMenorRJ.

Da Redação


 
Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.