Arquidiocese do Rio de Janeiro

32º 21º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 22/11/2019

22 de Novembro de 2019

DNJ 2019: um convite para construir a civilização do amor

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

22 de Novembro de 2019

DNJ 2019: um convite para construir a civilização do amor

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

03/10/2019 14:50
Por: Carlos Moioli

DNJ 2019: um convite para construir a civilização do amor 0

Está viralizando nas redes sociais um vídeo gravado pelo assistente eclesiástico do Setor Juventude, padre Jorge dos Santos Carreira, convidando os jovens da Arquidiocese do Rio para o Dia Nacional da Juventude (DNJ) 2019.

“Tenho um convite para você, jovem. Está chegando o nosso DNJ 2019, aqui em nossa arquidiocese, cujo lema é inspirado na Campanha da Fraternidade deste ano, em favor de uma nova civilização do amor. Nosso encontro está marcado para o dia 19 de outubro, um sábado à tarde. Mudamos o dia para que todos os jovens estejam conosco que será no Centro Cultural Social e Pastoral (CCSP) Cardeal Orani Tempesta, que fica em Irajá, pertinho da Paróquia Nossa Senhora da Apresentação. Tem metrô, ônibus, van, uber, táxi para vocês estarem conosco neste dia. Será uma celebração da juventude com oficinas, palestras, formação, missa, adoração ao Santíssimo e shows com bandas católicas”, convidou padre Jorge Carreira.

Civilização do amor
Em sua trigésima quarta edição, o DNJ 2019 tem como tema “Juventude e Políticas Públicas: uma história nos chama à civilização do amor”. O encontro se propõe a motivar e conscientizar os jovens sobre sua participação ao construir a civilização do amor, animando-os a serem os primeiros a experimentar o amor de Deus, para transmiti-lo a toda a sociedade, incentivando o protagonismo e a missionariedade da juventude.

Preparação
Dentre as presenças confirmadas estão o arcebispo do Rio, Cardeal Orani João Tempesta, o bispo auxiliar e referencial da juventude Dom Paulo Romão, e a banda Sinal de Paz que, com um jeito carioca, evangeliza em estilo samba-rock.

“O DNJ é com certeza ocasião de um encontro maravilhoso com outros jovens, com outros movimentos, com outras expressões de juventude, em que a partilha das experiências torna muito rico o caminho de cada um”, disse Dom Paulo Romão.

O evento, que está sendo organizado pela equipe do Setor da Juventude, é gratuito e as inscrições podem ser feitas no link: http://bit.ly/dnjrj2019 ou diretamente no local.

Protagonismo
A consagrada de vida na Comunidade Shalom, Yasmim Ellen Dantas Pereira, destacou que o DNJ será uma oportunidade de aprender a construir e de celebrar a dinâmica da civilização do amor.

“Os jovens costumam ser protagonistas, por isso acreditamos que nós devemos ser os primeiros a encarar essa tarefa difícil, mas ao mesmo tempo feliz, de poder apresentar o amor e assim também viver no amor para amar como o Senhor nos ama”, afirmou.

Ressaltando que o evento terá uma programação bem diversificada e animada, reforçou: “Queremos que todos os jovens, dos quatro cantos desta cidade, participem e renovem sua experiência com Deus, com a Igreja e com a evangelização dos jovens, para assim sermos a civilização do amor”, disse Yasmim.

Mútua cooperação
Segundo a coordenadora da Juventude da Legião de Maria, Flávia Muniz, o DNJ é um grande momento de celebração da juventude arquidiocesana. Desde a etapa de preparação até a realização, ele agrega e congrega.

“É muito bonito e empolgante ver as expressões de juventude da arquidiocese, com seus diretores espirituais, num trabalho de mútua cooperação para que todos os jovens, durante o evento, sejam alcançados pela graça de Deus e façam uma genuína experiência com o Ressuscitado, porque na hora o Senhor nos arrebata de emoção”, disse Flávia, acrescentando que “maravilhas acontecem antes, durante e após o encontro, com quem é convidado, mas, principalmente, quem é da equipe. Isso nos dá um impulso renovado em nosso ardor missionário”.

Unidade
Para o representante da Comunidade Sementes do Verbo no Setor da Juventude, Luiz Manoel Malatesta de Freitas, “o DNJ é fruto do trabalho de unidade dos jovens da Igreja, por isso sua força é impressionante. Num mundo em conflito, onde cada um é coagido a ter o seu partido, a Igreja nos apresenta o mistério da unidade como resposta, como chave, para construirmos a civilização do amor”.

Renovação
Para a jovem Gabriela Pacheco, que faz parte da Aliança de Vida da Comunidade Sementes do Verbo e paroquiana da Matriz de Nossa Senhora da Glória, em Laranjeiras, o DNJ é um dos eventos de que ela mais gosta.

“É o momento perfeito para nós, jovens, renovarmos as forças no combate pela santidade, através do testemunho de diferentes realidades, e das formações dos bispos e demais pastores da nossa mãe Igreja. Um outro ponto que muito me anima, no DNJ, é poder, por um dia, celebrar com amigos de outras expressões e delas participar. E lembrar que, na verdade, essa é nossa essência: sermos um”, disse Gabriela, destacando que o evento é “um momento de unidade, de fortalecimento, e de mostrar ao mundo a alegria de ser jovem e ser de Cristo”.

Atividades
O dia promete ser bem dinâmico, explorando a temática em diversas atividades como teatros, oficinas e shows. Nas oficinas, os facilitadores vão partilhar diversos temas, como dança de Israel, teologia do corpo e evangelização no meio digital. Nos estandes vocacionais, os participantes terão oportunidade de conhecer as diferentes realidades da Igreja, por meio das comunidades e movimentos eclesiais.

Na parte externa, o espaço da misericórdia estará à disposição dos participantes, com adoração ao Santíssimo Sacramento, confissões e acompanhamento espiritual.

Carlos Moioli
Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.