Arquidiocese do Rio de Janeiro

32º 13º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 18/08/2019

18 de Agosto de 2019

Dom Orani recebe homenagens com lançamento de selo e livro

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

18 de Agosto de 2019

Dom Orani recebe homenagens com lançamento de selo e livro

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

03/05/2019 17:00 - Atualizado em 03/05/2019 17:01
Por: Carlos Moioli

Dom Orani recebe homenagens com lançamento de selo e livro 0

Em cerimônia realizada no Palácio São Joaquim, na Glória, Dom Orani João Tempesta foi homenageado no dia 26 de abril pelos 10 anos de ministério como arcebispo do Rio de Janeiro e pelos cinco anos de cardinalato.

Selo comemorativo

Num primeiro momento, o superintendente dos Correios no Estado do Rio de Janeiro, Cleber Machado, fez o lançamento de um selo comemorativo pelo aniversário de cardinalato de Dom Orani, a pedido da Ordem Equestre do Santo Sepulcro de Jerusalém, no Rio de Janeiro.

“Para nós da Ordem do Santo Sepulcro, o selo é uma homenagem de agradecimento e reconhecimento ao nosso grão prior, que também é o arcebispo da Arquidiocese do Rio. Ele é o nosso pastor, a quem devemos obediência e todo o nosso carinho. Com sua imagem no selo também estamos homenageando todos os padres que trabalham nas diversas paróquias da nossa arquidiocese”, disse o prior da Ordem, monsenhor André Sampaio de Oliveira.

Lançamento do livro

Num segundo momento, houve o lançamento do livro “O monge que virou cardeal”, no estilo pingue-pongue, preparado pelo diretor do Vatican News da língua portuguesa, no Vaticano, Silvonei José Prost.

“O melhor jeito de contar a história de alguém e conversar com a própria pessoa. A ideia surgiu em Roma, em uma das entrevistas que fiz com ele. Dom Orani é Dom Orani. O livro, dividido em três partes, mostra o homem, o religioso e o seu pensamento. A ideia foi contar a vida de uma pessoa muito próxima a nós. O título de cardeal dá a impressão de uma pessoa distante, mas ele não constrói barreiras, pelo contrário, é uma pessoa muito simples e acolhe a todos, disse Silvonei.

Presença da Igreja

Depois das homenagens e antes da sessão de autógrafos, Dom Orani agradeceu o carinho de todos, dizendo que a imagem do selo, de autoria do jornalista Carlos Moioli, e a imagem da capa do livro, de autoria do fotógrafo Gustavo de Oliveira, recordam a presença da Igreja em locais desafiadores.

“A providência das imagens do selo e do livro retratam a realidade das comunidades da Cidade de Deus e do Cantagalo, locais difíceis marcados pela violência e por desafios sociais e pastorais, mas que a Igreja está presente por meio de dedicados sacerdotes que residem nos locais e caminham com o povo de Deus”, afirmou o arcebispo.

Dom Orani também fez um agradecimento ao jornalista Silvonei, pelo interesse em mostrar no livro a vida e a missão do arcebispo do Rio, salientando que ele é uma pessoa respeitada pela sua postura, enquanto comunicador da Igreja no Brasil, residente no Vaticano.

“Sempre fui feliz pela minha vocação monástica que, de certa maneira, tinha sua estabilidade. Uma das características de ser monge é a obediência. Nesse sentido disse ‘sim’ quando fui chamado para uma nova missão. Comecei a ser itinerante. Depois de São José do Rio Preto, veio Belém, e agora o Rio. Ao longo do tempo o Senhor foi chamando e a Igreja foi confirmando. Faço votos que o livro possa ajudar as pessoas a ver na pessoa do arcebispo a missão da Igreja na sociedade, embora com as flechadas de cada dia. Que possa ser um sinal de louvor a Deus no que Ele realiza na vida de cada um de nós que se coloca a serviço do Evangelho”, concluiu Dom Orani.

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.