Arquidiocese do Rio de Janeiro

28º 24º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 21/03/2019

21 de Março de 2019

Anúncio da eleição de Dom Luiz Henrique

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

21 de Março de 2019

Anúncio da eleição de Dom Luiz Henrique

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

15/03/2019 11:53 - Atualizado em 15/03/2019 11:53
Por: Flávia Muniz / Raphael Freire

Anúncio da eleição de Dom Luiz Henrique 0

O arcebispo do Rio de Janeiro, Cardeal Orani João Tempesta, anunciou, em 13 de março, que o Papa Francisco nomeou Dom Luiz Henrique da Silva Brito, atualmente bispo auxiliar da Arquidiocese do Rio, como bispo diocesano de Barra do Piraí-Volta Redonda (RJ). A posse do bispo eleito será no dia 11 de maio, às 9h, na Igreja Nossa Senhora da Conceição no Conforto, em Volta Redonda.

Feito nos estúdios da Rádio Catedral FM com transmissão, ao vivo, também pela WebTV Redentor e redes sociais da ArqRio, o pronunciamento contou com as presenças de Dom Luiz Henrique, Dom Roque Costa Souza, Dom Joel Portella Amado e Dom Assis Lopes. Em sua fala inicial, Cardeal Tempesta recordou que a Diocese de Barra do Piraí-Volta Redonda, juntamente com as Dioceses de Itaguaí, Nova Iguaçu, Duque de Caxias e Valença, formam, desde 1892, com a Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, uma província eclesiástica. De acordo com o arcebispo, ela foi criada no mesmo decreto da Diocese de Campos, onde Dom Luiz Henrique atuou como presbítero até sua nomeação episcopal.

Agradecido pela unidade e comunhão nos muitos serviços prestados à Arquidiocese do Rio, Dom Orani proferiu palavras de encorajamento e força a Dom Luiz Henrique, recordando as exortações do Papa Francisco sobre o perfil do bispo diocesano: “(...) O pastor, para procurar e encontrar o Senhor, deve aprender e escutar as pulsações do coração do seu povo, sentir o cheiro dos homens e mulheres de hoje até ficar impregnado das suas alegrias e esperanças, tristezas e angústias”.

“Agradeço a Dom Luiz Henrique pela unidade conosco e por seu belíssimo testemunho de comunhão, assumindo, com destemor, tantos e difíceis trabalhos entre nós aqui no Rio de Janeiro. Sofremos juntos e lutamos juntos em tantas frentes. Porém, a nossa unidade sempre nos levou adiante em nossa caminhada que também proporcionou grandes alegrias por ver a ação de Deus em nossa história. Deus seja louvado pelo seu trabalho generoso e dedicado. Desejo que seu ministério, junto ao povo santo de Deus e ao clero de Barra do Piraí-Volta Redonda, seja muito frutuoso e que o seu testemunho e a sua reconhecida prudência façam de sua ação pastoral aquela que vai para apascentar as ovelhas para o aprisco do Senhor. Como diz seu lema episcopal, desejo que sempre o ‘Senhor seja sua força’! Que Deus guie e ilumine o seu ministério”, afirmou Dom Orani.

Com a nomeação, Dom Luiz Henrique da Silva Brito se torna o 8° bispo diocesano de Barra do Piraí-Volta Redonda e sucederá Dom Francisco Biasin, que teve seu pedido de renúncia acolhido pelo Papa Francisco, após completar 75 anos em setembro de 2018. Em sua saudação aos fiéis leigos, sacerdotes, religiosos e seminaristas, o bispo eleito se comprometeu em iniciar seu pastoreio conforme exortam os documentos do Magistério: ‘que o bispo governe com o coração do servo humilde e do pastor afetuoso, que guie o seu rebanho procurando a glória de Deus e a salvação das almas’ (cf. PG 43).

“Sou muito grato ao Santo Padre, Papa Francisco, por confiar à minha fragilidade o cuidado desta Igreja Particular. Tendo me dedicado por quase sete anos à Arquidiocese do Rio de Janeiro, quero agradecer especialmente a Dom Orani João Tempesta, que me acolheu com muito carinho e me ajudou nos primeiros passos no ministério episcopal. Minha alegria é grande por continuar neste Regional do Leste 1 próximo de tantos bispos amigos e solidários na missão. Não posso deixar de mencionar os queridos irmãos bispos auxiliares. Sentirei falta desse companheirismo, fraternidade e apoio em todos os momentos, e espero continuar contando com as orações e amizade. Ao longo deste período riquíssimo de experiências na Arquidiocese do Rio de Janeiro, pude contemplar a grande riqueza desta que é uma das mais antigas Igrejas Particulares do Brasil, com seus dedicados sacerdotes e fiéis generosos e compreensivos. Quero agradecer muito a paciência e compreensão de todos, especialmente aos colaboradores leigos no Edifício João Paulo II e, mais particularmente, os funcionários da Cúria Arquidiocesana por serem eficientes, discretos e empenhados no amor e serviço a Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo. (...) É chegada a hora de acolher a convocação que o Senhor me faz através do chamado do Santo Padre para pastorear a Diocese de Barra do Piraí- Volta Redonda, e reafirmo meu compromisso em ser um dedicado servidor do Evangelho para todos e, estando desde já, toda a diocese nas minhas orações, peço a caridade de rezarem por mim”, disse Dom Luiz Henrique.

Irmãos no episcopado, os bispos auxiliares Dom Roque Costa Souza e Dom Joel Portella Amado, juntamente com o bispo auxiliar emérito Dom Assis Lopes, fizeram questão de parabenizar e agradecer Dom Luiz Henrique pela convivência fraterna.

"Estamos vivendo dias de tantas notícias e situações que nos deixam perplexos e angustiados. Porém, a nomeação de um bispo me fez voltar à memória de que Deus nunca abandona o seu povo. Deus provê o seu povo com pastores. E é bom que em meio a tantas dificuldades e tantas notícias assustadoras nós tenhamos esse sinal de um Deus que nos acompanha. E tomo a liberdade de agradecer e rezar por Dom João Maria Messi e por Dom Francisco Biasin, os dois missionários que a Itália mandou. Deus o abençoe Dom Luiz, vamos sentir um pouquinho de saudade diocesana, mas vamos reforçá-la sempre no convívio regional e provincial", pontuou Dom Joel Portella.

“É com coração grato a Deus que nos colocamos hoje, pela amizade e companheirismo, dividindo com Dom Orani o pastoreio desta nossa arquidiocese, que nos gerou quase ‘gêmeos’ para o episcopado, com diferença de apenas um mês de ordenação episcopal. Deixando, agora, a Igreja-Mãe geradora, ao assumir uma diocese, Dom Luiz ganha uma Igreja-Esposa. Que essa nova missão na Diocese de Barra do Piraí-Volta Redonda possa verdadeiramente realizá-lo na ação do Espírito Santo. Estaremos em comunhão de orações, com o coração e estendendo a mão, pois cada novo desafio sempre nos deixa abertos às surpresas de Deus, em comunhão com a Mãe de Deus, a exemplo de quem Ele também disse seu ‘sim’. Que Dom Luiz realize com alegria esta missão que Deus lhe confiou, e o seu novo rebanho o acolha também com alegria, por esta nomeação do Santo Padre”, ressaltou Dom Roque Costa Souza.

"Dom Luiz Henrique é um grande amigo nosso que parte para uma nova missão, cheio de alegria, embora deixando saudades do nosso convívio. Trata-se de uma pessoa muito simples, mas que carrega em si um desejo enorme de fazer o bem, sempre notei isso; nas visitas às paróquias, era comum as pessoas dizerem: ‹Ele vem de coração aberto›. Rezamos para que continue firme, com a mesma simplicidade, sabendo e jamais esquecendo-se de que Jesus nos chama para carregar com Ele a cruz: há alegrias e há tristezas. Mas estaremos rezando por sua missão", ressaltou Dom Assis Lopes.

Na Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, Dom Luiz Henrique da Silva Brito exerceu importantes ofícios: bispo auxiliar da Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro; vigário geral; moderador da Cúria Metropolitana; bispo animador do Vicariato Episcopal Urbano; Pastoral Presbiteral, das Irmandades e Ordens terceiras e confrarias; economato, departamento jurídico e da administração dos bens temporais da arquidiocese, além de professor no Seminário de São José. Anteriormente, foi bispo referencial do diaconato permanente, da Pastoral Carcerária, e acompanhou o Vicariato Norte. Foi também diretor das Escolas de Fé e Catequese Mater Ecclesiae e Luz e Vida, entre outros trabalhos.

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.