Arquidiocese do Rio de Janeiro

31º 20º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 20/05/2019

20 de Maio de 2019

Rio comemora 454 anos de história sob a intercessão de São Sebastião

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

20 de Maio de 2019

Rio comemora 454 anos de história sob a intercessão de São Sebastião

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

01/03/2019 23:49 - Atualizado em 02/03/2019 00:02
Por: Raphael Freire

Rio comemora 454 anos de história sob a intercessão de São Sebastião 0

Nesta sexta-feira, 1º de março, a cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro celebra 454 anos de fundação e quem passou pelo Santuário Basílica de São Sebastião e pelo Largo da Carioca pôde participar das celebrações e rezar pela paz na 'Cidade Maravilhosa'. As comemorações, em âmbito arquidiocesano, foram iniciadas no santuário, também conhecido como a Igreja dos Frades Capuchinhos, na Tijuca, com missa em ação de graças, presidida pelo arcebispo, Cardeal Orani João Tempesta, e concelebrada pelo vigário episcopal do Vicariato Norte, padre Aldo de Souto Santos; e pelo pároco, frei Arles de Jesus.

"Celebramos com muita alegria os 454 anos de fundação da nossa querida cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro. Celebramos essa missa agradecendo a Deus pela nossa cidade e pedindo ao Pai por ela e por seus habitantes. O Santuário Basílica de São Sebastião, dos Frades Capuchinhos, é um marco dentro da história da cidade, pois aqui encontra-se os restos mortais de Estácio de Sá, fundador da cidade; o marco histórico português da fundação; e a imagem histórica e original de São Sebastião trazida pelos portugueses no século XVI. Temos aqui sinais que vieram da antiga Catedral, situada no Morro do Castelo, e, por isso, também fazemos memória a tantos homens e mulheres que viveram nessa cidade rezando por todos os que nos antecederam e por nós que estamos aqui, hoje, para que possamos ser iluminados e fortalecidos para fazermos a diferença nessa cidade que necessita de presenças que levem a paz e a fraternidade para que a justiça reine, cada vez mais, entre nós. Pedimos ao Senhor que nos ajude e nos ilumine nessa nossa caminhada e inspirados pelo exemplo de São Sebastião nunca desanimemos de sermos portadores da esperança no meio de tanto caos e dificuldades da nossa grande cidade", disse Dom Orani.

O pároco, frei Arles de Jesus, destacou sua alegria de poder celebrar os 454 anos do Rio no santuário, em especial, num período em que a cidade acolhe milhares de turistas para a grande manifestação cultural que é o carnaval. O religioso ressaltou também que a data é propícia para que todos rezem agradecendo a Deus pelos frutos da cidade, mas, principalmente, entregando ao Pai os desafios diários da violência, das tragédias e da corrupção que tanto marcam a população.

"Nós somos chamados a dar testemunho sempre. Pedimos muita paz, ética e moral para o nosso poder político com a finalidade de que o nosso povo carioca possa celebrar, cada vez mais, com muita alegria, a nossa 'Cidade Maravilhosa'", afirmou.

Gratos a Deus pela nomeação de Dom Orani para assumir a cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro como arcebispo metropolitano - no dia 27 de fevereiro de 2009 - há dez anos atrás, fiéis prestaram uma homenagem ao Cardeal. Com palavras de carinho, incentivo e muito afeto, os leigos abraçaram o 'Pastor da Unidade'.

"No aniversário da cidade o nosso pastor é homenageado pelos 10 anos de pastoreio à frente da Arquidiocese do Rio de Janeiro. Com um simples, mas profundo gesto de carinho, um grupo de leigos o abraçou para dizer: 'estamos juntos, e sofremos juntos'. E para demonstrar que a tranquilidade e serenidade do nosso Cardeal nos mantém assim, unidos diante dos desafios que sempre esteve presente na Igreja. Mas tudo passa, e nos mantemos perseverantes. Deus abençoe o Cardeal do povo", desejou Frei Arles.

Largo da Carioca

Ainda durante a tarde desta sexta-feira, Dom Orani participou da comemoração pelos 454 anos de fundação da cidade no Largo da Carioca.Organizada pela Sociedade Amigos da Rua da Carioca e Adjacências (SARCA), a festa contou com atrações musicais e com a presença da imagem peregrina de São Sebastião, Santo padroeiro do Rio.

O Cardeal foi homenageado pela SARCA e por toda população carioca com o título de 'O arcebispo mais amado do Brasil'. Antes do término do evento, juntamente com os organizadores, Dom Orani cortou o bolo de 20 metros, que foi distribuído para o povo.

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.