Arquidiocese do Rio de Janeiro

32º 20º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 19/11/2018

19 de Novembro de 2018

Nossa Senhora de Sion celebra 130 anos no Brasil

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

19 de Novembro de 2018

Nossa Senhora de Sion celebra 130 anos no Brasil

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

09/11/2018 11:52 - Atualizado em 09/11/2018 11:52
Por: Da redação

Nossa Senhora de Sion celebra 130 anos no Brasil 0

Sion é o nome bíblico de Jerusalém e dá nome à Congregação das Religiosas de Nossa Senhora de Sion, que completa, em 2018, 130 anos da chegada ao Brasil. A congregação nasceu na França, em 1843, criada pelo padre Teodoro Ratisbonne. Atualmente, está presente em 22 países, incluindo o Brasil, que possui representantes no Rio, em São Paulo, Curitiba e alguns locais do Nordeste.

Para celebrar a chegada das irmãs de Sion no Brasil, em 1888, o arcebispo do Rio, Cardeal Orani João Tempesta, celebrou missa no dia 3 de novembro, no Colégio Nossa Senhora de Sion, no Cosme Velho, sede da congregação. Participaram as irmãs, os alunos, responsáveis e ex-alunos.

“As irmãs e os sacerdotes de Sion são um sinal muito importante para nós, tanto na questão do diálogo da Igreja Católica com os judeus quanto com a sociedade, de forma a reduzir as intolerâncias. Diálogo supõe identidade e consciência da própria identidade quando se escuta o outro. E para escutar o outro, é preciso ver sua bondade e convicções por trás dos rótulos que a sociedade coloca”, afirmou Dom Orani, durante a celebração.

O cardeal fez um paralelo entre a intervenção de Maria nas Bodas de Caná (Evangelho da missa) e a ação das religiosas de Sion que incentivam o diálogo entre as religiões. “Ouvir o outro e falar de nossas próprias vidas, em diálogo fraterno, é importante”, pontuou, e pediu a intercessão de Maria para que nunca falte aos cristãos essa sensibilidade ao diálogo.

Colégio Nossa Senhora de Sion

O Colégio Nossa Senhora de Sion tem como diretora a irmã Vaneide Chagas de Oliveira. A casa que abriga as irmãs fica ao lado do colégio e tem como superiora a irmã Luiza Margarida Escossim. No total, são sete irmãs no colégio e quatro na casa, sendo 11 no Rio de Janeiro.

Na área da educação, a congregação tem algumas obras sociais no Rio, tais como: Sion Solidário, cuja área de atuação é a Paróquia Cristo Redentor, e atividades de apoio à Casa da Criança com Câncer.

A irmã Maria Gilvaneide dos Santos, religiosa há 22 anos, atua no Rio desde 2012. Ela explicou que o carisma da educação na congregação se define pelo testemunho do amor de Deus pelo povo judeu e por todos os povos. “Nesse sentido, quando nosso fundador começou a congregação, se dedicou à educação de meninas órfãs judias da época e de outras meninas”, disse.

Originária de Sergipe, irmã Gilvaneide contou que o fundador da congregação, padre Teodoro, era de família judaica, mas não era praticante da religião judaica.

“Ele disse que, uma vez conhecendo a verdade, consagraria a própria vida a essa verdade. Ele foi muito influenciado por uma senhora cristã da França, que o ensinou a amar. Foi com ela que aprendeu as principais verdades cristãs, sendo a principal delas o amor ao próximo”, explicou.

Quando chegaram ao Brasil, as irmãs de Sion foram acolhidas no Cosme Velho. Devido a um surto de febre amarela, se mudaram para Petrópolis, no interior do estado, onde compraram uma propriedade, em 1903, e fizeram dela a sede da congregação até 1919. Nesse ano, compraram uma outra propriedade no Cosme Velho, que se tornou sede.

As irmãs que se encontram no Rio de Janeiro são contemplativas e apostólicas, e têm a espiritualidade enraizada nas Sagradas Escrituras. O foco de ação delas é a educação.


Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.