Arquidiocese do Rio de Janeiro

25º 18º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 15/08/2018

15 de Agosto de 2018

Cristo Redentor iluminado de verde no Dia do Meio Ambiente

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

15 de Agosto de 2018

Cristo Redentor iluminado de verde no Dia do Meio Ambiente

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

05/06/2018 09:59 - Atualizado em 05/06/2018 10:03
Por: Nice Affonso

Cristo Redentor iluminado de verde no Dia do Meio Ambiente 0

Nesta terça-feira, 05 de junho – Dia Mundial do Meio Ambiente, às 19h, a Arquidiocese do Rio de Janeiro em parceria com o Departamento de Ações Pró-Sustentabilidade (Deape) e a Comissão de Políticas Institucionais para Promoção de Sustentabilidade (Cosus) do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) irão iluminar o Monumento ao Cristo Redentor com a cor verde. Essas instituições, em evento que terá início às 18h, no alto do Corcovado, firmarão uma base de cooperação mútua para ações de sustentabilidade.

A iniciativa dá voz às celebrações globais em atenção à data, que neste ano trabalham o tema “#AcabeComAPoluiçãoPlástica”, com o objetivo de chamar a atenção de governos, de setores privados, comunidades e indivíduos para a importância de reduzir a produção e o consumo excessivo de produtos plásticos descartáveis, que contaminam oceanos, prejudicam a vida marinha e afetam a saúde humana.

Primeira ação concreta Arquidiocese e TJRJ

No domingo, dia 10 de junho, das 11h ao meio-dia, na praça ao lado da Paróquia da Igreja São José da Lagoa, haverá a distribuição de mudas de 150 espécies florestais nativas da Mata Atlântica. Essa iniciativa contará também com a parceria da Cedae.

Sobre o Dia Mundial do Meio Ambiente

O Dia Mundial do Meio Ambiente foi instituído em 1972. Desde então, se tornou uma plataforma global para a conscientização pública sobre questões ambientais. Na avaliação das Nações Unidas, a data é uma oportunidade para que todos se engajem ativamente na proteção da natureza.

Tema 2018: #AcabeComAPoluiçãoPlástica

Ao longo da última década, a humanidade produziu mais plástico do que em todo o século passado. Por ano, são consumidas entre 500 bilhões e 1 trilhão de sacolas plásticas em todo o planeta e, a cada minuto, são compradas 1 milhão de garrafas plásticas. Metade do plástico consumido pelos humanos é de uso único e, anualmente, pelo menos 8 milhões de toneladas de plástico vão parar nos oceanos — é como se a cada minuto se despejasse nos mares a carga inteira de um caminhão de lixo plástico. O material representa atualmente 10% de todos os resíduos gerados pelo homem. No Brasil, a discussão sobre a poluição plástica vem avançando devido a esforços do governo brasileiro e de outros atores da sociedade. Campanhas para o consumo consciente de sacolas plásticas, a assinatura do Acordo Setorial de Logística Reversa de Embalagens e agora o processo de elaboração do Plano Nacional de Combate ao Lixo no mar criam o ambiente para este debate fundamental com a sociedade brasileira.

 

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.