Arquidiocese do Rio de Janeiro

34º 25º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 18/12/2018

18 de Dezembro de 2018

São Sebastião no Vicariato Urbano

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

18 de Dezembro de 2018

São Sebastião no Vicariato Urbano

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

11/01/2018 18:27 - Atualizado em 11/01/2018 18:28
Por: Flávia Muniz e Nathalia Cardoso

São Sebastião no Vicariato Urbano 0

“São Sebastião, anunciador de uma alegria profunda” é o tema deste 5º dia da Trezena, 11 de janeiro. Hoje, a imagem peregrina visitou locais diversos no Vicariato Urbano, conduzida pelo arcebispo do Rio, Cardeal Orani João Tempesta. O Hospital Nossa Senhora da Saúde, mais conhecido como Hospital da Gamboa, no Santo Cristo, a sede da Mitra Arquidiocesana, na Glória, e a Câmara Municipal do Rio de Janeiro, na Cinelândia, foram alguns dos lugares visitados.

O vigário episcopal do Vicariato Urbano, padre Wagner Toledo, acompanhou a comitiva durante todo o dia. O reitor do Santuário Cristo Redentor, padre Omar Raposo, também acompanhou parte das visitas.

Foram visitados, além do Hospital da Gamboa, da Mitra Arquidiocesana, da Câmara Municipal, a sede da Polícia Federal (PF), no Centro, a Santa Casa de Misericórdia, no Castelo, e a Paróquia Bom Jesus do Monte, em Paquetá, onde o cardeal celebrou uma missa, encerrando as atividades do dia.

Após embarcar na Praça Mauá em direção a Paquetá, Dom Orani prestou homenagem aos mortos da Batalha das Canoas, acontecida há mais de 450 anos no lugar, entre franceses, portugueses e indígenas, que deu origem à cidade do Rio de Janeiro.

Hospital da Gamboa

No Hospital da Gamboa, a comitiva foi recepcionada pelo chefe do setor de Cirurgia Plástica, Francesco Mazzaroni.

“É uma grande honra participar da Trezena do nosso padroeiro e ter a presença do cardeal. Fazemos parte da Santa Casa de Misericórdia. É uma casa santa. Para nós, é sempre muito motivador receber essa visita no início do ano para enfrentar com força o ano que se inicia”, afirmou o diretor geral do hospital, Marcelo Lemgruber.

Sede da Polícia Federal

O integrante do Núcleo Especializado de Policiamento Marítimo (NEPOM) e zelador da Capela do Sagrado Coração de Jesus, na sede da Polícia Federal, Emmanuel Porto Alonso, recepcionou a imagem no local.

Na chegada, Dom Orani foi conduzido à capela. Depois, foi ao encontro do superintendente Jairo Souza da Silva e do delegado Fábio Motta, chefe da Comunicação Social da PF-RJ. A visita marcou a reinauguração da capela dedicada ao Sagrado Coração de Jesus.

Emmanuel fez a leitura do histórico da capela e agradeceu pelo empenho dos funcionários na reforma, restauração e zelo à capela. O cerimonial teve a participação do Grupo Brazilian Piper de Gaitas de Fole, que prestou homenagem ao padroeiro com a execução de Amazing Grace, Halleluia e Highlander Cathedral.

Santa Casa

Na Santa Casa de Misericórdia, o capelão, padre Levi Sena, recepcionou a comitiva e o padre Wagner Toledo conduziu a celebração. O presidente, Francisco Cavalcante, também estava presente.

Na celebração, Dom Orani falou sobre a leitura de hoje, Marcos 1, 40-45, sobre a cura do leproso. Segundo ele, Jesus, ao tocar o leproso, diante da exclusão causada pela lepra, assumiu também a condição de exclusão, mostrando compaixão e levando à conversão.

“Após curar o leproso, Jesus ordenou que se apresentasse aos sacerdotes, para ser reintegrado à comunidade. Também nesse Ano do Laicato, Ele quer transformar-nos e essa transformação nos faz testemunhas Dele, nos faz querer ser vistos em todos os campos, renovados em Cristo. E São Sebastião foi um leigo militar, cujo testemunho foi arriscado, mas ele foi fiel até o fim. É um exemplo para nós”, disse o cardeal, que convidou a todos a ajudar a tirar as pessoas da situação de exclusão e ajudar a ter uma vida digna.

Mitra arquidiocesana

Na sede da Mitra Arquidiocesana, na Glória, a imagem foi recepcionada no hall de entrada, pelo assessor da Pastoral da Pessoa com Deficiência (Pasped), diácono José Ferreira Conceição, e funcionários.

Dom Orani fez uma reflexão sobre o tema da trezena, “São Sebastião superou tudo com amor”, convidando a todos a seguir o exemplo do padroeiro, mesmo que o mundo esteja violento ou induza ao ódio.

Também convidou a todos a assumirem seu papel de leigos: “Às vezes, quando algo sério acontece, as pessoas esperam que os padres ou o bispo tomem providências, mas esquecem-se que eles também são responsáveis pela Igreja. Claro que existem coisas que só os clérigos podem resolver, mas os cristãos precisam assumir também seu papel de cristãos leigos no dia a dia, pois, eles compõem 99% da Igreja”, incentivou.

Câmara Municipal

Pela primeira vez, a Câmara Municipal recebeu a visita do santo padroeiro. Os vereadores Cláudio Castro, Carlo Caiado, Otoni de Paula – defensor da tolerância religiosa e do respeito a Nossa Senhora –, e Soraya Moreno. Dom Orani fez uma celebração e abençoou o local.

“A Câmara Municipal foi incluída no roteiro de visitas de São Sebastião é a sede do legislativo carioca. É a ‘casa’ daqueles que representam o povo do Rio de Janeiro. Portanto, o padroeiro carioca estar na ‘casa do povo’ tem tudo a ver com a proposta da Trezena, que é de passar por toda a cidade. E isso é importante nesse momento tão conturbado da política: rezarmos pelo legislativo carioca porque é aqui que as decisões mais importantes da cidade são tomadas”, afirmou Cláudio Castro.

Paquetá

O pároco da Paróquia Senhor Bom Jesus do Monte, em Paquetá, padre Nixon Bezerra de Brito, recepcionou a comitiva de São Sebastião, que seguiu em procissão, junto com os paroquianos, até o templo.

Padre José Paulo Barbosa, desde que chegou ao Primeiro Distrito Naval, na Praça Mauá, participa da Trezena, ajudando a conduzir a comitiva a Paquetá. Foi ele quem entregou a imagem de São Sebastião ao padre Nixon.

“É um momento oportuno para se refletir sobre a fé e sobre o testemunho de uma figura como São Sebastião, que passou por tantas dificuldades em nome da fé e não desistiu nem deixou-se levar pelo mal. Eu agradeço sempre por estar com saúde e poder participar desse momento todos os anos”, afirmou.

Dom Orani presidiu a celebração eucarística, que teve como concelebrantes: padre Wagner Toledo, padre Nixon, padre José Delfino de Araújo, padre Philippe Berger, de Divinópolis (MG), e padre Antônio de Paiva Lima.

“É uma grande alegria receber São Sebastião, que venceu a morte, violência e dificuldades do dia a dia com o amor. E é esse amor que sentimos quando recebemos essa visita tão agradável do cardeal com o nosso padroeiro”, disse o pároco.

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.