Arquidiocese do Rio de Janeiro

32º 22º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 14/12/2017

14 de Dezembro de 2017

Acólitos: ‘Ser pão para o mundo’

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

14 de Dezembro de 2017

Acólitos: ‘Ser pão para o mundo’

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

01/12/2017 12:46 - Atualizado em 01/12/2017 12:46
Por: Priscila Xavier

Acólitos: ‘Ser pão para o mundo’ 0

Mais um passo em direção ao sacerdócio. Esse é o pensamento dos sete jovens que receberão o Ministério do Acolitato, sob o tema: “O pão que eu darei é a minha carne para a vida do mundo” (Jo 6,51b), na Basílica Nossa Senhora de Lourdes, em Vila Isabel, no dia 9 de dezembro, às 18h.

A partir do ministério, Adeilto Custódio de Lima, Alex Fonseca Chagas, Iago Deodato Abreu, Fernando Freire da Silva, Jackson Tavares de Figueiredo, José Milton da Conceição Gomes Cardoso e Wallace Viera Sales, tornam-se ministros extraordinários da Sagrada Comunhão e, dessa forma, podem distribuir a Eucaristia e levá-la aos enfermos.

O reitor do Seminário Arquidiocesano de São José, cônego Leandro Câmara, destacou: “Esses jovens que se preparam para receber a sagrada ordem do presbiterato, ministério através do qual vão servir ao povo de Deus, dando-lhes a comer o pão da vida, ofertado cotidianamente no Altar, nutrirão a fé e a esperança do povo com a oferta de si mesmo. Isso nos ajuda a entender este grande mistério que é a vida e missão de um sacerdote, que não consiste, unicamente, em se apropriar das palavras de Outro (Jesus Cristo), mas também dizer de si mesmo: ‘Isto é o meu corpo que é dado por vós’ (Lc 22,19). Que este passo do acolitato seja uma disponibilidade determinada para um comprometimento ainda maior com o discipulado de Jesus Cristo, cuja missão é ser oferta de si mesmo, é ser pão para vida do mundo”.

De acordo com o seminarista Iago Deodato, um dos sete jovens que se preparam para receber o ministério, estar mais próximo à Eucaristia é um chamado à entrega radical a Cristo. “Com grande alegria, daremos um passo significativo em nosso discernimento vocacional. Serviremos mais próximos ao Altar, de onde brota o grande mistério, fonte e ápice de nossa fé: a Eucaristia. Nessa fonte, somos chamados a, cada vez mais, mergulharmos e adentrarmos de forma íntima e espiritual, com piedade sempre mais ardente. Assim, alimentando-nos dela, poderemos nos entregar inteiramente a Deus todos os dias”, completou.

Já o seminarista Fernando Freire ressaltou a alegria em servir à Igreja. “Estou muito feliz por saber que a Santa Igreja Católica confia a mim, simples servo da vinha do Senhor, esse grandioso e belo mistério de auxiliar no serviço ao Altar e de levar Jesus Eucarístico aos enfermos e necessitados do amor de Deus”, finalizou.

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.