Arquidiocese do Rio de Janeiro

32º 22º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 14/12/2017

14 de Dezembro de 2017

Ação de Amor do Cristo Redentor pelo Dia Nacional do Doador de Sangue

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

14 de Dezembro de 2017

Ação de Amor do Cristo Redentor pelo Dia Nacional do Doador de Sangue

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

21/11/2017 16:37 - Atualizado em 21/11/2017 16:48
Por: Nice Affonso (Coordenadora de Comunicação do Cristo Redentor)

Ação de Amor do Cristo Redentor pelo Dia Nacional do Doador de Sangue 0

temp_titlecristo_vermelho_11032015183236

O Cristo Redentor irá receber iluminação especial, na cor vermelha, nos dias 21, 22 e 23 de novembro, das 19h20min às 20h25min, em homenagem ao Dia Nacional do Doador de Sangue. A iniciativa de promover uma campanha de conscientização social sobre o tema é uma parceria entre a Arquidiocese do Rio de Janeiro, por meio do projeto Ação de Amor do Cristo Redentor, e o Hemorio, com o objetivo de lembrar a todos que doar sangue, além de ser uma necessidade, é um verdadeiro ato de amor ao próximo.

A coordenadora do projeto Ação de Amor do Cristo Redentor, Silvia Helena Gonzaga, reforça a importância de se tornar um doador, para que haja o constante abastecimento dos bancos de sangue do país:

"A ideia do projeto Ação de Amor do Cristo Redentor, com essa iluminação, é reconhecer a importância daquele que já é um doador de sangue, por seu gesto de generosidade. Ele doa vida", explica.

O diretor geral do Hemorio, Luiz Amorim, esclarece que a doação de sangue é gratuita, voluntária e um ato nobre de cidadania:

"Contamos, mais uma vez, com a solidariedade da população, que sempre atende aos nossos chamados. As bolsas de sangue coletadas nesse período garantem que o estoque do Hemorio será suficiente para abastecer as unidades de saúde nas festas de fim de ano, quando o número de doações cai bastante", destaca.

Para que uma campanha de conscientização?

A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que o número de doadores de um país seja de 3% a 5% do total da população. Dados do Ministério da Saúde, porém, mostram que o percentual no Brasil não chega a 2%: são apenas 3,6 milhões de bolsas de sangue por ano.

Requisitos para a doação de sangue:

• Estar bem de saúde.

• Ter idade entre 18 e 69 anos (menores, com 16 e 17 anos de idade, podem doar sangue desde que levem autorização assinada por um responsável legal e um documento de identidade oficial, com foto e original, desse responsável).

• Portar documento oficial de identidade com foto (identidade, carteira de trabalho, certificado de reservista ou carteira do conselho profissional)

• Pesar mais de 50kg

• Não estar em jejum

• Não ter ingerido alimentos gordurosos

• Não estar gripado, com febre ou outro sinal de doença infecciosa

• Não ter lesão de pele que apresente sangramento

• Não ter ingerido álcool ou drogas nas últimas 24 horas

• Não ter tido hepatite após os 10 anos de idade

• Não ter múltiplos parceiros sexuais

• Mulheres grávidas ou amamentando não podem doar sangue

• Quem fez tatuagem ou piercing há menos de um ano não pode doar

Doação de sangue durante a Semana da Saúde, na Cinelândia

Entre os dias 21 e 24 de novembro, das 7h às 17h, a Cinelândia irá sediar a Semana da Saúde. Além da tradicional doação de sangue do Hemorio e dos serviços de prevenção em saúde, o evento, promovido pela Secretaria de Estado de Saúde, passa a contar com a parceria do Detran, que vai disponibilizar os atendimentos do Detran Presente no dia 22 de novembro.

A população terá acesso aos serviços de aferição de pressão arterial, testes de glicemia e colesterol, orientação sobre alimentação saudável, vacinação contra febre amarela, teste rápido de hepatite, ultrassonografia óssea (exame para detectar osteoporose), atendimento dermatológico – incluindo prevenção e diagnóstico de hanseníase –, atendimento odontológico e avaliação com endocrinologistas, além de palestras diversas. Como parte do Novembro Azul, os homens poderão se consultar com urologistas e realizar o teste de PSA.

Foto: Divulgação

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.