Arquidiocese do Rio de Janeiro

33º 23º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 15/12/2017

15 de Dezembro de 2017

Novos sacerdotes celebram primeira missa na Casa do Padre

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

15 de Dezembro de 2017

Novos sacerdotes celebram primeira missa na Casa do Padre

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

19/06/2017 11:47 - Atualizado em 19/06/2017 11:52
Por: Priscila Xavier

Novos sacerdotes celebram primeira missa na Casa do Padre 0

temp_titleIMG_20170531_WA0080_19062017114149

Os sete novos sacerdotes ordenados pela imposição das mãos do Cardeal Orani João Tempesta, no dia 27 de maio, decidiram celebrar a primeira missa juntos e num local especial: a Casa do Padre Cardeal Câmara, no Rio Comprido, que acolhe os padres idosos da Arquidiocese do Rio.

Realizada no dia 31 de maio, a celebração foi presidida pelo novo sacerdote Rafael Viana e concelebrada pelos também novos sacerdotes Felipe Machado, Guilherme Freitas, Thiago Serejo e Vitor José. Os padres que vivem na casa foram representados na concelebração eucarística pelo padre André Feitosa. Já a acolhida e o agradecimento foram realizados pelo padre Pedro Nunes.

Além dos presbíteros residentes na casa, estiveram presentes na celebração as irmãs do Instituto Nossa Senhora do Bom Conselho e os fiéis que auxiliam nas atividades junto às religiosas.

Padre Rafael Viana afirma que a atitude dos novos presbíteros foi um gesto de gratidão aos sacerdotes que, mesmo na velhice, continuam doando a própria vida por amor a Deus. "Nossa turma desejou celebrar junto aos sacerdotes da Casa do Padre como um gesto de gratidão e reconhecimento a esses homens que tanto doaram a vida e continuam doando mesmo na velhice e na enfermidade. Vê-los é contemplar a beleza do chamado e o destino que aguarda todo sacerdote: a oblação da vida pelo Cristo e pelo povo de Deus”, afirmou.

O sacerdote ainda acrescentou que “nossa prece neste dia foi um louvor, uma grande bendição a Deus pelo exemplo e testemunho desses valorosos homens. Hoje somos o que eles foram ontem e queremos ser o que eles são hoje", destacou.

Foto: Divulgação

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.