Arquidiocese do Rio de Janeiro

32º 22º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 20/11/2017

20 de Novembro de 2017

Papa Francisco nomeia brasileiro de Schoenstatt como Secretário de Leigos, Família e Vida

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

20 de Novembro de 2017

Papa Francisco nomeia brasileiro de Schoenstatt como Secretário de Leigos, Família e Vida

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

31/05/2017 13:30 - Atualizado em 31/05/2017 13:30
Por: ACI Digital

Papa Francisco nomeia brasileiro de Schoenstatt como Secretário de Leigos, Família e Vida 0

temp_titleNuevoSecretarioLaicosFamiliaVida31mayo_31052017132614

O Papa Francisco nomeou Secretário para o Dicastério para os Leigos, Família e Vida o sacerdote Alexandre Awi Mello, até então diretor nacional do Movimento de Schoenstatt no Brasil.

Alexandre Awi Mello nasceu em 17 de janeiro de 1971 no Rio de Janeiro e foi ordenado sacerdote em 7 de julho de 2001, como membro do Instituto Secular dos Padres de Schoenstatt.

Durante vários anos, foi vigário da paróquia de Nossa Senhora das Dores, em Santa Maria (RS); assessor da Juventude Apostólica de Schoenstatt para o sul do Brasil e diretor nacional de Schönstatt para todo o país.

Estudou Filosofia e Teologia na Pontifícia Universidade Católica de Santiago, no Chile, e depois se mudou para a Alemanha para continuar seus estudos. Além disso, possui doutorado em Mariologia pela Universidade de Dayton, nos Estados Unidos.

Por outro lado, foi professor de Teologia Pastoral e Sistemática em Londrina (PR), no Instituto Paulo VI e na Pontifícia Universidade do Paraná.

Em 2007, colaborou com a secretaria da elaboração da Conferência de Aparecida e dirigiu a revista ‘Tabor’.

O Vaticano anunciou a criação do novo Dicastério para Leigos, Família e Vida em junho de 2016 e começou a funcionar em 1º de setembro do mesmo ano.

Este novo departamento vaticano absorveu o Pontifício Conselho para os Leigos e o Pontifício Conselho para a Família, que deixaram de funcionar a partir dessa data.

“O dicastério é competente nessas matérias que são de pertença da Sé Apostólica para a promoção da vida e do apostolado dos fiéis leigos, para o cuidado pastoral da família e de sua missão, segundo o desenho de Deus e para a tutela e a ajuda da vida humana”, informou o Vaticano naquela ocasião.

Em agosto de 2016, o Santo Padre nomeou como seu prefeito Dom Kevin Joseph Farrell, até então Bispo de Dallas, nos Estados Unidos.

Foto: Movimento de Schoenstatt

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.