Arquidiocese do Rio de Janeiro

34º 19º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 24/03/2017

24 de Março de 2017

São Sebastião é recebido pelas famílias de Santíssimo e Inhoaíba

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

24 de Março de 2017

São Sebastião é recebido pelas famílias de Santíssimo e Inhoaíba

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

08/01/2017 00:00 - Atualizado em 09/01/2017 01:21
Por: Flávia Muniz / Colaboração: Raphael Freire

São Sebastião é recebido pelas famílias de Santíssimo e Inhoaíba 0

temp_titleVicariato_Oeste_Trezena_2017_09012017011909

Continuando a peregrinação pelas paróquias e capelas da Arquidiocese neste segundo dia de Trezena, 8 de janeiro, a Imagem Peregrina conduzida pelo Cardeal Orani João Tempesta visitou a Capela de São Sebastião e São Jorge, pertencente à Paróquia Coração Eucarístico de Jesus, em Santíssimo, sendo recebida pelo vigário paroquial, Padre Douglas Lyra da Silva.

A comitiva arquidiocesana foi acolhida pela multidão dos devotos, que apesar de sofrerem a escassez de água e luz, sem esmorecerem, compareceram em peso e cheios de fé, para recepcionarem o arcebispo e a imagem do padroeiro, que é também invocado para afastar os flagelos.

Dom Orani agradeceu a acolhida dos fiéis, que tinham muitas razões para festejarem a passagem da Trezena de São Sebastião: o terreno onde será construída a nova sede da capela, finalmente, após seis anos, obteve a autorização dos órgãos competentes para a construção. Além disso, o momento foi também de júbilo vocacional, já que a peregrinação missionária marcou a acolhida oficial de dois novos cerimoniários para a comunidade: Rômulo Chaves de Oliveira e Nicole Amorim Fernandes, que foram acolhidos pelo Cardeal e, após o rito e a bênção das vestes litúrgicas, foram vestidos, respectivamente, pela madrinha e pela mãe. Dom Orani aproveitou o ensejo para ressaltar que as famílias são berço de vocações:

“Temos muitos bons exemplos de fé e que devem ser seguidos por todos nós cristãos. As famílias desses jovens são testemunhas, diante da nossa sociedade, de que dentro de muitas famílias há grandes vocações e não devemos deixar de observar e acompanhar essas vocações”, disse.

O Cardeal observou também que as boas ações das famílias não são noticiadas pelos veículos de comunicação de grande circulação, somente as coisas ruins. Porém, não devemos nos apegar nem nos deixar influenciar pelas notícias ruins, mas “olhar, observar e destacar esses bons testemunhos que esses dois jovens e suas famílias deram hoje, através dessa ação de se colocar a serviço da Igreja”, concluiu o arcebispo.

São Sebastião solidário com a vida e modelo de novas vocações

A paroquiana Lídia Marques, mãe de Nicole, atribui à intercessão de São Sebastião – de quem é devota, por tradição familiar, desde criança – o milagre do nascimento e sobrevivência de sua filha, que nasceu de seis meses, e hoje está com 15 anos e sendo investida como cerimoniária. A madrinha de investidura do cerimoniário Rômulo e mãe de outros coroinhas, a devota Amanda Lopes, ressaltou a pertinência das palavras de Dom Orani, quanto ao fato de testemunhos como esse não serem alvo da mídia secular, mas, ao contrário, somente as más notícias sobre os jovens:

“É uma grande graça ver um jovem como o Rômulo, por exemplo, abraçar esse chamado. Ele deu seu sim a Deus para estar num dia de domingo, nesse calor, servindo a Deus em Seu altar”, destacou Amanda.

O arcebispo, durante a celebração missionária, reforçou os objetivos da Trezena do padroeiro deste ano à luz do tema: “São Sebastião, protetor das famílias cariocas”. Ele enfatizou que essa ação missionária quer realçar o valor da família, que precisa ser assistida em suas necessidades e fortalecida enquanto projeto de Deus, tendo em vista todos os ataques que vem sofrendo de diversas formas. De acordo com Dom Orani, é daí que surge a necessidade de todo o cristão ser luz para o mundo e na vida de todas as pessoas.

“Só conseguiremos mudar a nossa realidade social se seguirmos pelo caminho da paz e da solidariedade. A proposta da Trezena desse ano é incrementar o trabalho que já é realizado pelas paróquias, em favor de todos os que estão necessitados, não apenas católicos, mas – exortou dom Orani – procurando ser solidários com todos que estão precisando nesse momento em razão de desemprego, salários atrasados ou quaisquer outros problemas que estejam afetando as famílias cariocas em nossos dias”, ressaltou.

Para o vigário paroquial, Padre Douglas Lyra, a presença do Cardeal trazendo a imagem e a bênção de São Sebastião à comunidade, em especial à área onde será erguida a futura capela, ou seja, a figura do Pastor junto à comunidade nesse processo de construção de um novo templo, representa um grande impulso e incentivo, é razão de grande alegria, somada à acolhida oficial dos dois jovens como cerimoniários. Tudo isso, segundo o sacerdote, ilustra bem a homilia de Dom Orani, de que é tempo de Epifania, é tempo de missão, de evangelização, de sair:

“Temos a grata alegria de investir novos cerimoniários, que representam esse papel dos jovens, hoje, no anúncio da Palavra e da fidelidade a Deus. Nosso pároco, Padre Cláudio Antônio, também se alegra com a presença do nosso Cardeal. E ratificamos também o nosso compromisso com o aspecto solidário, pelo qual estamos trabalhando nessa Trezena de São Sebastião”, afirmou Padre Douglas.

Inhoaíba recebe em festa o Protetor das famílias cariocas

Após as celebrações em Santíssimo, o cortejo com a Imagem Peregrina seguiu para Inhoaíba, onde devotos aguardavam efusivos a visita de seu Padroeiro. Ali, foi recepcionada pelo pároco, Padre Fábio Santos de Melo, na Capela São Sebastião, ao som do repicar dos sinos, muitos cantos e fogos de artifício. O Cardeal, calorosamente acolhido, a todos recebeu também carinhosamente com grandes abraços, deixando-se fotografar pelos fiéis. Dom Orani externou sua alegria em reencontrar a comunidade tão acolhedora de Inhoaíba, e sempre muito atuante na ação paroquial.

Na celebração missionária, o arcebispo reafirmou suas recentes palavras, dizendo que “somos a família de Deus”. Lembrou que a arquidiocese vive esse momento do Ano Mariano, com todo o Brasil, em comemoração dos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida. E vive também, além do Ano Mariano, o Ano da Família, que – em nossa Arquidiocese – quer ser um olhar sobre a dimensão vocacional da família.

“Toda vocação nasce numa família. Queremos trabalhar para que cada vez mais tenhamos famílias cristãs unidas, bem formadas, pois há muitas coisas bonitas em relação às famílias, mas a propagada contra é grande, por isso as coisas boas e bonitas vividas pelas famílias não são noticiadas”, observou Dom Orani.

Cardeal Tempesta recordou também trechos da Exortação Apostólica Amoris Laetitia, do Papa Francisco, traçando um contraponto com a liturgia do dia, reforçando a beleza da família de Nazaré, na qual nasceu a Luz que veio ao mundo, o Menino Jesus.

“Como é importante que as famílias cristãs saibam viver dando seu testemunho e o seu ‘sim’ a Deus, assim como fez Maria. Com a Trezena nós desejamos mais... Queremos atingir aqueles que estão na violência, na divisão e na escuridão. Quanto mais à família viver sua vida cristã, mais conseguirá transmitir essa dimensão da família cristã. Que sob a intercessão de São Sebastião a gente veja aumentar e ganhe ainda mais visibilidade essa beleza da família carioca. Que a Trezena ajude a todos nessa tomada de consciência sobre a dimensão familiar, que deve ser trabalhada mais e mais à luz do documento Amoris Laetitia”, afirmou.

Ao término da celebração missionária da Trezena, membros da Legião de Maria – escolhidos em virtude das celebrações do Ano Mariano – deram presentes a Dom Orani, entre eles, uma orquídea para ser colocada no Palácio São Joaquim.

Foto: Gustavo de Oliveira

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.