Arquidiocese do Rio de Janeiro

28º 20º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 20/08/2018

20 de Agosto de 2018

Fé, oração e caridade: a carta do Papa ao CEN

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

20 de Agosto de 2018

Fé, oração e caridade: a carta do Papa ao CEN

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

22/08/2016 11:46 - Atualizado em 22/08/2016 11:46
Por: Rádio Vaticano

Fé, oração e caridade: a carta do Papa ao CEN 0

temp_titlePapa_rosto_22082016105959

Os participantes do XVII Congresso Eucarístico Nacional do Brasil, realizado entre os dias 15 e 21 de agosto, em Belém, receberam uma saudação e uma bênção especiais do Papa Francisco, por meio de uma mensagem transmitida pelo Cardeal Cláudio Hummes, seu enviado para o evento.

Na ocasião em que se festeja o quarto centenário de fundação da cidade e do início da evangelização na Amazônia, o Papa pede ao Cardeal Hummes que comunique a todos o amor do Pontífice pelos Pastores da Amazônia e de todo o Brasil, bem como por todas as comunidades eclesiais.

Catequese, oração e caridade

“Confirmando a fé do povo, tratando da catequese, recordando prática da oração e do exercício da caridade na vida quotidiana, será dada especial ênfase à igreja doméstica, que é a família, no seio da qual nascem e são educadas as futuras gerações de cristãos e missionários”, escreve o Pontífice.

“Enquanto os fiéis, numerosos, receberem os sacramentos da Reconciliação e da Eucaristia e reconhecerem o Senhor na fração do pão (cf. Lc 24, 31), adorarem-no com piedade e conduzirem-no em procissão na união dos irmãos no único Corpo Místico de Cristo, que é a Igreja, estaremos presente também nós e nos alegraremos sobremaneira, e desejamos já exortar à caridade os que mais dela carecem: ‘do amor mútuo e, em particular, da solicitude por quem passa necessidade, seremos reconhecidos como verdadeiros discípulos de Cristo’ (São João Paulo II, Mane Nobiscum, Domine, 28)”.

Continuem a obra

“Levando já em conta, com gratidão e admiração, os maduros frutos da fé e do apostolado, oriundos do anúncio do Evangelho com o auxílio da graça divina, invocamos humildemente o Espírito Santo para que se digne também no nosso tempo impulsionar à continuação da obra de evangelização, com fervor, muitos sacerdotes, religiosos homens e mulheres e fiéis leigos, pela intercessão da Santíssima Virgem Maria de Nazaré e de todos os santos, especialmente daqueles que, no Brasil, anunciaram a fé em Cristo pela vida e pelo trabalho”.

Francisco terminou sua mensagem concedendo a sua Bênção Apostólica a todos os que estavam presentes ou unidos ao evento pelos meios de comunicação.

Foto: ANSA

 

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.