Arquidiocese do Rio de Janeiro

32º 16º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 20/09/2017

20 de Setembro de 2017

Entidades lançam projeto “Viva a Solidariedade!”

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

20 de Setembro de 2017

Entidades lançam projeto “Viva a Solidariedade!”

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

07/07/2016 18:14 - Atualizado em 07/07/2016 18:15
Por: Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB)

Entidades lançam projeto “Viva a Solidariedade!” 0

Com o objetivo de realizar pelo País atividades socioeducativas, esportivas e de solidariedade, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB) e a Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (Anec) apresentam o projeto “Viva a Solidariedade!”. 

A iniciativa nasceu com a finalidade de dar continuidade, em âmbito nacional, às ações do projeto “Rio se Move”, da arquidiocese do Rio de Janeiro. Para isso, propõe às instituições educacionais e eclesiais a realização de ideias que visem contribuir para a construção de uma sociedade mais justa e solidária, promovendo, por meio do espírito olímpico, momentos de interação entre a família, escola e comunidade.

De acordo com o assessor da Comissão Episcopal para o Serviço da Caridade, Justiça e Paz da CNBB, frei Olavio Dotto, a CNBB firmou parceria com o projeto desde o início. “A gente viu que o enfoque do projeto, que é social, tem tudo a ver com o trabalho desempenhado pela CNBB e, de modo especial, com a Comissão para o Serviço da Caridade, que também tem esse viés social”.

Para ele, o projeto é importante por promover a abertura de conscientização para a prática da solidariedade e por envolver quem já desenvolve esse tipo de trabalho nas escolas. “O nosso comprometimento enquanto CNBB é também o de envolvermos as Pastorais Sociais no projeto, nas nossas regiões, nos nossos estados. No fundo o que a gente quer é gerar cidadania”, finalizou.

Segundo a articuladora da CRB, irmã Eliana Veras, o diferencial do projeto não é criar o novo, mas despertar a solidariedade dentro de cada um. “Às vezes a escola faz uma gincana esportiva, consegue arrecadar vários alimentos, mas esses alimentos vão todos para a festa junina da escola. O que nós queremos com o projeto é que esse alimento vá para uma obra social da periferia, por exemplo. Então esse seria o diferencial do nosso projeto”, enfatiza.

As instituições que aderirem ao “Viva a Solidariedade!” devem assumir o compromisso de realizar uma ação solidária associada à prática de esportes e lazer, levando em conta elementos como contexto social, inserção na sociedade, comunidade e missão. As ações solidárias poderão ser desenvolvidas entre o período de abril de 2016 a junho de 2017. 

Como participar?

Para participar basta inscrever a instituição que deseja fazer parte e cadastrar a ação solidária no site do projeto. Uma assessoria técnica dos organizadores vai acompanhar essa ação e posteriormente dar ênfase ao trabalho, divulgando-o.

Saiba mais sobre o #VivaaSolidariedade no site: http://anec.org.br/vivasolidariedade/

Foto: CNBB

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.