Arquidiocese do Rio de Janeiro

37º 23º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 16/12/2018

16 de Dezembro de 2018

O pesar do Papa pelos atentados na Tunísia, França e Kuwait

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

16 de Dezembro de 2018

O pesar do Papa pelos atentados na Tunísia, França e Kuwait

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

28/06/2015 20:22 - Atualizado em 28/06/2015 20:23
Por: Rádio Vaticano

O pesar do Papa pelos atentados na Tunísia, França e Kuwait 0

O pesar do Papa pelos atentados na Tunísia, França e Kuwait / Arqrio

O Papa manifestou seu pesar pelas vítimas dos atentados de sexta-feira na Tunísia, na França e no Kuwait.

Em três telegramas assinados pelo Secretário de Estado, Cardeal Pietro Parolin, Francisco condena novamente a violência que “gera tanto sofrimento” e pede ao Senhor o dom da paz, invocando a bênção divina sobre as famílias das vítimas e confiando à misericórdia de Deus os que perderam a vida.

No texto endereçado aos núncios apostólicos dos três países, o Papa se declara “profundamente entristecido” com os “atos bárbaros”, e encoraja a não abater-se diante do mal.

Atentados

Em Sousse, na Tunísia, um tiroteio matou 39 pessoas. O ataque foi reivindicado pelo grupo Estado Islâmico.

O grupo jihadista também assumiu a autoria de outro atentado no Kuwait, onde pelo menos 25 pessoas morreram e mais de 200 ficaram feridas após uma explosão em uma mesquita xiita durante as orações.

Também na sexta, na França, uma pessoa invadiu de carro uma usina de gás em uma área industrial perto de Lyon, causando uma explosão. Duas pessoas ficaram feridas, e um corpo decapitado foi encontrado no local. Três suspeitos de envolvimento foram presos. Nenhum grupo reivindicou a autoria deste ataque.

Foto: EPA

 

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.