Arquidiocese do Rio de Janeiro

25º 13º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 19/07/2019

19 de Julho de 2019

Papa celebrará Nossa Senhora de Guadalupe

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

19 de Julho de 2019

Papa celebrará Nossa Senhora de Guadalupe

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

31/10/2014 18:06 - Atualizado em 05/11/2014 09:09
Por: Observatório Romano

Papa celebrará Nossa Senhora de Guadalupe 0

Papa celebrará Nossa Senhora de Guadalupe / Arqrio

No próximo dia 12 de Dezembro, festa de Nossa Senhora de Guadalupe, o Papa Francisco presidirá à concelebração eucarística na basílica de São Pedro em honra da padroeira da América Latina, confiando à sua intercessão a evangelização e a promoção humana dos povos do continente, pelos quais invocará paz, justiça e unidade. 

A notícia foi comunicada pela Pontifícia comissão para a América Latina, que sublinhou que naquele dia a oração mariana unirá o centro da catolicidade com a basílica-santuário da Cidade do México e com todos os lugares que, do Alasca à Terra do fogo, têm em comum a devoção à Virgem de Guadalupe.

A missa, que iniciará às 18h00, será precedia, a partir das 16h45, pela entrada na basílica das bandeiras de todos os países do continente, pela homenagem à imagem da padroeira, pela sucessiva recitação do «rosário gudalupano» e por uma oração do Advento acompanhada por cânticos da tradição popular latino-americana. A celebração será acompanhada por cânticos da Misa criolla do compositor argentino Ariel Ramírez, cuja execução será dirigida pelo filho, Facundo Ramírez, com o seu grupo musical, Patricia Sosa como convidada e a colaboração do coro romano Musica Nuova. É significativo como exactamente há cinquenta anos Ariel Ramírez apresentou ao Paulo VI a sua obra acabada de compor. A presença deste grupo musical foi possível graças à colaboração da presidência argentina

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.