Arquidiocese do Rio de Janeiro

38º 22º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 14/12/2018

14 de Dezembro de 2018

Sínodo vai discutir família como célula da sociedade, diz D. Lorenzo

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

14 de Dezembro de 2018

Sínodo vai discutir família como célula da sociedade, diz D. Lorenzo

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

12/11/2013 15:49 - Atualizado em 15/11/2013 11:33
Por: Rádio Vaticano

Sínodo vai discutir família como célula da sociedade, diz D. Lorenzo 0

Sínodo vai discutir família como célula da sociedade, diz D. Lorenzo / Arqrio

O Sínodo dos bispos deverá discutir a família enquanto célula da sociedade, de acordo com Dom Lorenzo Baldisseri. Ele é o atual Secretário-Geral do Sínodo dos Bispos e já foi Núncio Apostólico no Brasil. O documento-base do encontro tem como título “Os desafios pastorais sobre a família no contexto da evangelização”.

Em entrevista à Rádio Vaticano, D. Lorenzo explicou que a família é fundamental à sociedade. “A família é um tema extremamente atual, do ponto de vista sociológico, doutrinário, para a Igreja”, destacou. Ele explicou que além do texto, há um questionário ao final do documento com pontos que se referem à família.

D. Lorenzo explicou que o questionário contido no Documento preparatório já foi enviado às Dioceses. As Dioceses têm até ao final de janeiro do próximo ano para enviar os seus relatórios. No mês de fevereiro, a Secretaria do Sínodo dos Bispos reunirá para analisar as respostas e elaborar o “Instrumentum laboris” que será distribuído aos Padres sinodais antes da Assembleia Extraordinária de Outubro de 2014.

O Sínodo também apresenta os desafios e problemáticas que existem no aspecto familiar. Nesta semana, aconteceu a conferência de imprensa sobre a preparação da III Assembleia Geral Extraordinária do Sínodo dos Bispos, que será realizada em outubro de 2014. O Relator-Geral é o Cardeal Péter Erdo (Arcebispo de Budapeste), e o Secretário Especial para este Sínodo, D. Bruno Forte (Arcebispo de Chieti-Vasto).

O Sínodo Extraordinário terá duas características essenciais: a atenção prioritária à evangelização e a perspectiva pastoral, com a qual o Santo Padre convida a olhar para o valor e os desafios da vida familiar hoje.

Documento preparatório

O objetivo da conferência de imprensa foi apresentar o documento “Os desafios pastorais sobre a família no contexto da evangelização”, no qual está contido um questionário enviado a todas as Conferências Episcopais. O questionário foi minuciosamente explicado pelo Cardeal Péter Erdo, que recordou tratar-se de um documento preparatório baseado na doutrina da Igreja sobre a família.

Por sua vez, D. Bruno Forte esclareceu que: “Não se trata de debater questões doutrinais, que já são explicitadas pelo Magistério inclusive em documentos recentes (como a Constituição Pastoral Gaudium et spes e a Exortação Apostólica Familiaris Consortio de João Paulo II), mas de compreender como anunciar de maneira eficaz o Evangelho da família no período que estamos a viver, marcado por uma evidente crise social e espiritual”.

 “Acolhimento e misericórdia constituem o estilo do Papa Francisco, que pede que esse mesmo estilo seja aplicado a todas as pessoas, inclusive às famílias dilaceradas e a quem vive em situação irregular do ponto de vista moral e canônico”, explicou. 

Leia Também:
Sínodo dos Bispos: questionário pretende avaliar a família no mundo atual
Papa convoca Sínodo sobre a família
Convocação do Sínodo dos Bispos revela a preocupação da Igreja com a família

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.