Arquidiocese do Rio de Janeiro

27º 19º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 01/07/2016

01 de Julho de 2016

Missa pelo Dia do Médico

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

01 de Julho de 2016

Missa pelo Dia do Médico

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

18/10/2013 11:55 - Atualizado em 18/10/2013 12:19
Por: Bruno Tortorella (bruno@testemunhodefe.com.br)

Missa pelo Dia do Médico 0

Missa pelo Dia do Médico / Arqrio

Uma missa foi celebrada na manhã desta sexta-feira, 18 de outubro, em ação de graças pelo Dia do Médico, na capela do Hospital São Francisco de Assis na Providência de Deus, na Tijuca. O arcebispo do Rio, Dom Orani João Tempesta, presidiu a Eucaristia, que foi concelebrada pelo Frei Paulo Fernandes Batista, diretor do hospital, e Frei Afonso.

No dia dedicado a São Lucas, padroeiro dos médicos, Dom Orani ressaltou o Evangelho que falava da missão a partir da evangelização. Segundo ele, o olhar cristão no exercício da medicina contribui para perceber no irmão a presença de Jesus Cristo.

“Pedimos para que os profissionais deste hospital se deixem evangelizar pelo Senhor, como Lucas por Paulo, escutando a palavra de Deus, caminhando na fé, que é um bem não só para si e para sua família, mas também para o modo de praticarem sua profissão. Além da capacitação médica, a vida cristã é importante, porque possibilita um jeito diferente de exercer a medicina junto às pessoas. Essa é a busca que somos convidados a fazer: de ver, com olhos cristãos, seu trabalho diante das pessoas. A fé nos ajuda a ter confiança e esperança e ver no outro a presença de Cristo Jesus”, disse o arcebispo.

Ao final, os médicos presentes receberam uma bênção de Dom Orani e palavras de agradecimentos de Frei Paulo que os classificou como “anjos que se vestem de branco”. Em seguida, um almoço de confraternização encerrou as comemorações.

Fotos Gustavo de Oliveira

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.