Arquidiocese do Rio de Janeiro

27º 22º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 06/07/2020

06 de Julho de 2020

Deus faz novas todas as coisas

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

06 de Julho de 2020

Deus faz novas todas as coisas

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

07/03/2013 14:21 - Atualizado em 07/03/2013 14:23

Deus faz novas todas as coisas 0

07/03/2013 14:21 - Atualizado em 07/03/2013 14:23

Neste tempo da Quaresma, as obras do Senhor se manifestam aos nossos olhos e Deus nos dá a oportunidade de passar nossa vida a limpo, mergulhando-a na Sua misericórdia.              

O Senhor quer curar o nosso coração de todos os desencontros, erros e pecados, com a graça de seu perdão. Ao mesmo tempo, temos a chance de deixar de lado tudo o que nos atrapalha, de nos esvaziarmos dos rancores e ressentimentos, perdoando as pessoas que nos feriram.             

Por isso, partilho contigo a seguinte passagem: "Não vos lembreis mais dos acontecimentos de outrora, não recordeis mais as coisas antigas, porque eis que vou fazer obra nova, a qual já surge: não a vedes?"  (Is 43, 18). Quando a Sagrada Escritura nos diz para não lembrarmos os “acontecimentos de outrora”, não se trata realmente de esquecer, mas de não vivermos como escravos dos acontecimentos que, agora, não existem mais. Devemos ficar com o que foi bom e tirar proveito até mesmo dos erros cometidos para o nosso crescimento e amadurecimento. Trata-se, na verdade, de uma nova chance de recomeçar e de nascer de novo pela graça de Deus.              

Sim! É possível uma vida inteira nova, cheia de paz, coragem e alegria. É possível um novo começo neste exato momento, porque Deus está conosco e nos dá a sua força para recomeçar. A diferença está justamente aqui: se antes vivíamos contando apenas com as nossas energias, podemos recomeçar agora pelo "poder de Deus", "pela força do alto", que é o Espírito Santo. É dessa certeza que brota a nossa esperança. A esperança renova o coração. Ela é um dom de Deus que nos faz nascer de novo. O melhor de tudo isso é que a nossa esperança tem nome: Jesus.   

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.

Deus faz novas todas as coisas

07/03/2013 14:21 - Atualizado em 07/03/2013 14:23

Neste tempo da Quaresma, as obras do Senhor se manifestam aos nossos olhos e Deus nos dá a oportunidade de passar nossa vida a limpo, mergulhando-a na Sua misericórdia.              

O Senhor quer curar o nosso coração de todos os desencontros, erros e pecados, com a graça de seu perdão. Ao mesmo tempo, temos a chance de deixar de lado tudo o que nos atrapalha, de nos esvaziarmos dos rancores e ressentimentos, perdoando as pessoas que nos feriram.             

Por isso, partilho contigo a seguinte passagem: "Não vos lembreis mais dos acontecimentos de outrora, não recordeis mais as coisas antigas, porque eis que vou fazer obra nova, a qual já surge: não a vedes?"  (Is 43, 18). Quando a Sagrada Escritura nos diz para não lembrarmos os “acontecimentos de outrora”, não se trata realmente de esquecer, mas de não vivermos como escravos dos acontecimentos que, agora, não existem mais. Devemos ficar com o que foi bom e tirar proveito até mesmo dos erros cometidos para o nosso crescimento e amadurecimento. Trata-se, na verdade, de uma nova chance de recomeçar e de nascer de novo pela graça de Deus.              

Sim! É possível uma vida inteira nova, cheia de paz, coragem e alegria. É possível um novo começo neste exato momento, porque Deus está conosco e nos dá a sua força para recomeçar. A diferença está justamente aqui: se antes vivíamos contando apenas com as nossas energias, podemos recomeçar agora pelo "poder de Deus", "pela força do alto", que é o Espírito Santo. É dessa certeza que brota a nossa esperança. A esperança renova o coração. Ela é um dom de Deus que nos faz nascer de novo. O melhor de tudo isso é que a nossa esperança tem nome: Jesus.   

Monsenhor Jonas Abib
Autor

Monsenhor Jonas Abib

Fundador da Comunidade Canção Nova e presidente da Fundação João Paulo II