Arquidiocese do Rio de Janeiro

23º 17º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 21/08/2019

21 de Agosto de 2019

Precisamos uns dos outros

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

21 de Agosto de 2019

Precisamos uns dos outros

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

04/02/2019 10:22 - Atualizado em 04/02/2019 10:23

Precisamos uns dos outros 0

04/02/2019 10:22 - Atualizado em 04/02/2019 10:23

Certo dia, minha irmã me contou um fato. Uma moça foi agredida por traficantes. Bateram tanto em seu rosto que ela ficou irreconhecível.

Os médicos precisaram submetê-la a várias cirurgias corretivas, sempre com a ajuda de fotos antigas dela, a fim de reconstruir seu rosto. Ela precisou, inclusive, de acompanhamento psicológico, pois apesar do esforço dos médicos para devolver-lhe a face original, ela não se reconhecia mais diante do espelho.

Foi exatamente isso que o mundo fez conosco. Já não nos lembramos mais de nossa “face original”. Não conhecemos mais o jeito que tínhamos quando saímos das mãos do Pai.

Queremos amar, mas não conseguimos. Queremos perdoar, mas não perdoamos. Queremos ajudar, mas acabamos atrapalhando. Temos essas atitudes com amigos, com irmãos de comunidade, companheiros de trabalho, na pastoral da Igreja…

Isso tudo por quê? Será por má vontade? Não! Tudo isso se explica pela desfiguração que sofremos. Não encontramos mais em nós as feições do Pai.

Na Sagrada Escritura, quando o doutor da lei pergunta a Jesus o que é preciso para receber como herança a vida eterna, Ele responde: “Amar a Deus e ao próximo”.

Assim como aquela moça precisou ser acompanhada por uma psicóloga, nós também precisamos uns dos outros, precisamos nos carregar uns aos outros no amor de Cristo. Como nos ensina o apóstolo: “Suportai-vos uns aos outros no amor de Cristo” (Cl 3,13-14).

 

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.

Precisamos uns dos outros

04/02/2019 10:22 - Atualizado em 04/02/2019 10:23

Certo dia, minha irmã me contou um fato. Uma moça foi agredida por traficantes. Bateram tanto em seu rosto que ela ficou irreconhecível.

Os médicos precisaram submetê-la a várias cirurgias corretivas, sempre com a ajuda de fotos antigas dela, a fim de reconstruir seu rosto. Ela precisou, inclusive, de acompanhamento psicológico, pois apesar do esforço dos médicos para devolver-lhe a face original, ela não se reconhecia mais diante do espelho.

Foi exatamente isso que o mundo fez conosco. Já não nos lembramos mais de nossa “face original”. Não conhecemos mais o jeito que tínhamos quando saímos das mãos do Pai.

Queremos amar, mas não conseguimos. Queremos perdoar, mas não perdoamos. Queremos ajudar, mas acabamos atrapalhando. Temos essas atitudes com amigos, com irmãos de comunidade, companheiros de trabalho, na pastoral da Igreja…

Isso tudo por quê? Será por má vontade? Não! Tudo isso se explica pela desfiguração que sofremos. Não encontramos mais em nós as feições do Pai.

Na Sagrada Escritura, quando o doutor da lei pergunta a Jesus o que é preciso para receber como herança a vida eterna, Ele responde: “Amar a Deus e ao próximo”.

Assim como aquela moça precisou ser acompanhada por uma psicóloga, nós também precisamos uns dos outros, precisamos nos carregar uns aos outros no amor de Cristo. Como nos ensina o apóstolo: “Suportai-vos uns aos outros no amor de Cristo” (Cl 3,13-14).

 

Monsenhor Jonas Abib
Autor

Monsenhor Jonas Abib

Fundador da Comunidade Canção Nova e presidente da Fundação João Paulo II