Arquidiocese do Rio de Janeiro

33º 19º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 27/03/2017

27 de Março de 2017

Corações curados colaboram na solução dos problemas

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

27 de Março de 2017

Corações curados colaboram na solução dos problemas

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

27/06/2016 14:23 - Atualizado em 27/06/2016 14:23

Corações curados colaboram na solução dos problemas 0

27/06/2016 14:23 - Atualizado em 27/06/2016 14:23

Os problemas, as situações que enfrentamos machucam a gente, e então precisamos de cuidados. É como machucado, se não for cuidado, infecciona. Quanta gente infeccionada na alma, no coração, por causa das machucaduras que tiveram devido aos problemas pelos quais passaram no decorrer da vida.

Chega uma hora que a pessoa mistura o problema com o machucado, e não consegue mais enfrentar a situação em si. Fica abatida porque está ferida e espera o problema solucionar-se para então buscar a cura.

Entretanto, muitas vezes, o problema não depende de você, mas de outros. Pode ser muito doloroso o que vou dizer: Se seu marido ou esposa tem sido infiel, é claro que isso causa uma dor muito grande, você se fere e machuca.

Porém, não dá para esperar que esta pessoa deixe de ser infiel, de te trair, para você se curar e sair dessa situação, afinal isso não depende de você, depende da outra pessoa.

Deus também quer mudar essa pessoa, mas depende dela querer. Se ela não aceita e se fecha, se até foge de Deus, ela não é atingida. E como é você que tem o remédio para colocar na ferida, se não o faz, a cura não acontece.

E se for esperar o outro, você irá viver na angústia, vai tornar sua vida um desespero e cairá na frustração, na depressão, na revolta contra tudo e todos. Hoje o Senhor diz a você que existe o problema que nos machuca, nos esfola, e existe você, seu coração. Deus quer curar você para  que consiga enfrentar o problema.

Se você continuar machucado, não poderá colaborar com Deus na solução do problema que enfrenta. Pelo contrário, você se tornará apenas uma vítima dele. Sua cabeça e seus sentimentos “irão a mil”, e não conseguirá rezar e confiar como precisa. Por amor a você mesmo, deixe Deus separar a situação que você enfrenta e os seus machucados.

Deixa Ele curar você, tirá-lo dessa angústia e desse desespero, acalmar e devolver a paz que você precisa. Desta forma, poderá enfrentar, superar o problema, e assim, colaborar para a solução do mesmo!

 

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.

Corações curados colaboram na solução dos problemas

27/06/2016 14:23 - Atualizado em 27/06/2016 14:23

Os problemas, as situações que enfrentamos machucam a gente, e então precisamos de cuidados. É como machucado, se não for cuidado, infecciona. Quanta gente infeccionada na alma, no coração, por causa das machucaduras que tiveram devido aos problemas pelos quais passaram no decorrer da vida.

Chega uma hora que a pessoa mistura o problema com o machucado, e não consegue mais enfrentar a situação em si. Fica abatida porque está ferida e espera o problema solucionar-se para então buscar a cura.

Entretanto, muitas vezes, o problema não depende de você, mas de outros. Pode ser muito doloroso o que vou dizer: Se seu marido ou esposa tem sido infiel, é claro que isso causa uma dor muito grande, você se fere e machuca.

Porém, não dá para esperar que esta pessoa deixe de ser infiel, de te trair, para você se curar e sair dessa situação, afinal isso não depende de você, depende da outra pessoa.

Deus também quer mudar essa pessoa, mas depende dela querer. Se ela não aceita e se fecha, se até foge de Deus, ela não é atingida. E como é você que tem o remédio para colocar na ferida, se não o faz, a cura não acontece.

E se for esperar o outro, você irá viver na angústia, vai tornar sua vida um desespero e cairá na frustração, na depressão, na revolta contra tudo e todos. Hoje o Senhor diz a você que existe o problema que nos machuca, nos esfola, e existe você, seu coração. Deus quer curar você para  que consiga enfrentar o problema.

Se você continuar machucado, não poderá colaborar com Deus na solução do problema que enfrenta. Pelo contrário, você se tornará apenas uma vítima dele. Sua cabeça e seus sentimentos “irão a mil”, e não conseguirá rezar e confiar como precisa. Por amor a você mesmo, deixe Deus separar a situação que você enfrenta e os seus machucados.

Deixa Ele curar você, tirá-lo dessa angústia e desse desespero, acalmar e devolver a paz que você precisa. Desta forma, poderá enfrentar, superar o problema, e assim, colaborar para a solução do mesmo!

 

Monsenhor Jonas Abib
Autor

Monsenhor Jonas Abib

Fundador da Comunidade Canção Nova e presidente da Fundação João Paulo II