Arquidiocese do Rio de Janeiro

26º 19º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 25/06/2017

25 de Junho de 2017

Evangelização nos games online( MMORPGs)

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

25 de Junho de 2017

Evangelização nos games online( MMORPGs)

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

25/04/2016 13:26 - Atualizado em 25/04/2016 13:29

Evangelização nos games online( MMORPGs) 0

25/04/2016 13:26 - Atualizado em 25/04/2016 13:29

Os MMORPGs são games online que proporcionam, além do entretenimento do game eletrônico-virtual, uma interação entre os jogadores de diversas partes do país ou do mundo, dependendo do game e do servidor. Os missionários não devem ficar alheios a esta realidade, eles devem aproveitá-la para testemunhar o Cristo e exercer o sacerdócio comum através da evangelização.

O que se percebe nestes anos de contato com os jogos é que muitos jogadores apresentam uma índole um pouco egoísta, onde buscam ser melhor do que os outros e tiram vantagem de tudo e de todos. Outro problema que acontece por conta da quantidade de tempo dedicado aos games, é a falta de capacidade de relacionamento pessoal, “suprida” pelas “amizades” virtuais.

 Graças ao mandato de Cristo, os jogadores católicos podem ser uma luz também nos MMOs. Em especial nesses jogos, há uma possibilidade de cooperação e ajuda mutua em muitas situações, como, por exemplo, vencer uma dungeon( um tipo de fase diferente, na qual há monstros mais fortes e um chefe a ser vencido). Usando, não só o chat, mas alguns programas como o skype e o teamspeack, é possível desenvolver alguma relação por voz e ainda ser uma ajuda caridosa para os outros participantes. Determinadas tarefas não se pode realizar sozinho.

O testemunho de alguém diferente do habitual pode causar empatia e curiosidade pela conduta. Com ações como não ficar arrumando brigas, amenizar discursões, ajudar os mais fracos, ser honesto, unir outros jogadores, ter paciência com os menos habilidosos e evitar palavras de baixo calão, surgirão questionamentos do porquê se é diferente.

 Com o desenvolvimento da relação interpessoal certos comentários, como “deixa eu ir se não me atraso para a missa” ou “fica com Deus”, proporcionarão o surgimento de questionamentos sobre Deus, e do porquê acreditamos. Em um testemunho pessoal, posso esclarecer que neste ambiente pude dar conselhos e resgatar pessoas de volta a vivência da fé. O simples fato destas pessoas conhecerem alguém legal na internet, que foi gentil, fez a diferença.
         
Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.

Evangelização nos games online( MMORPGs)

25/04/2016 13:26 - Atualizado em 25/04/2016 13:29

Os MMORPGs são games online que proporcionam, além do entretenimento do game eletrônico-virtual, uma interação entre os jogadores de diversas partes do país ou do mundo, dependendo do game e do servidor. Os missionários não devem ficar alheios a esta realidade, eles devem aproveitá-la para testemunhar o Cristo e exercer o sacerdócio comum através da evangelização.

O que se percebe nestes anos de contato com os jogos é que muitos jogadores apresentam uma índole um pouco egoísta, onde buscam ser melhor do que os outros e tiram vantagem de tudo e de todos. Outro problema que acontece por conta da quantidade de tempo dedicado aos games, é a falta de capacidade de relacionamento pessoal, “suprida” pelas “amizades” virtuais.

 Graças ao mandato de Cristo, os jogadores católicos podem ser uma luz também nos MMOs. Em especial nesses jogos, há uma possibilidade de cooperação e ajuda mutua em muitas situações, como, por exemplo, vencer uma dungeon( um tipo de fase diferente, na qual há monstros mais fortes e um chefe a ser vencido). Usando, não só o chat, mas alguns programas como o skype e o teamspeack, é possível desenvolver alguma relação por voz e ainda ser uma ajuda caridosa para os outros participantes. Determinadas tarefas não se pode realizar sozinho.

O testemunho de alguém diferente do habitual pode causar empatia e curiosidade pela conduta. Com ações como não ficar arrumando brigas, amenizar discursões, ajudar os mais fracos, ser honesto, unir outros jogadores, ter paciência com os menos habilidosos e evitar palavras de baixo calão, surgirão questionamentos do porquê se é diferente.

 Com o desenvolvimento da relação interpessoal certos comentários, como “deixa eu ir se não me atraso para a missa” ou “fica com Deus”, proporcionarão o surgimento de questionamentos sobre Deus, e do porquê acreditamos. Em um testemunho pessoal, posso esclarecer que neste ambiente pude dar conselhos e resgatar pessoas de volta a vivência da fé. O simples fato destas pessoas conhecerem alguém legal na internet, que foi gentil, fez a diferença.
         
Robson Atallah Nogueira Lima
Autor

Robson Atallah Nogueira Lima

Seminarista do 3° ano de Teologia - Seminário - São José