Arquidiocese do Rio de Janeiro

34º 25º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 18/12/2018

18 de Dezembro de 2018

Paróquia São João Batista promove encontro dos migrantes

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

18 de Dezembro de 2018

Paróquia São João Batista promove encontro dos migrantes

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

02/04/2017 00:00

Paróquia São João Batista promove encontro dos migrantes 0

temp_titleAlmoo_dos_Migrantes_2017_23032017163016

A Paróquia São João Batista, em Rio das Pedras, vai realizar no dia 02 de abril, a partir das 10h, o tradicional almoço e encontro anual dos migrantes. O evento reúne pessoas de diferentes estados brasileiros que migraram para a região sudeste como um gesto de confraternização daqueles que, distantes de suas terras, procuram manter viva a cultura e a riqueza das tradições regionais, de modo particular o povo nordestino.

O almoço faz memória ao trabalho pastoral do padre alemão Lotário Weber, que chegou ao Piauí, em 1963, para a região de Pedro II, onde começou a estreitar os laços com os migrantes que deixaram o Nordeste rumo aos grandes centros urbanos do país em busca de melhores condições de sustento.  

A partir de uma visita realizada por padre Lotário ao Rio de Janeiro, em 1978, para um encontro com famílias de migrantes que se reuniram para um almoço no bairro do Rio Comprido, foi que surgiu a iniciativa de procurar reunir familiares e amigos para celebrar e se confraternizar também em outros locais como na Paróquia São Francisco de Paula, na Barra da Tijuca, apoiado por Frei Dino; depois, na Paróquia Nossa Senhora de Loreto em Jacarepaguá; e, finalmente, em Rio das Pedras, na Paróquia São João Batista, onde o evento acontece até hoje.

Além do Rio de Janeiro, cidades como São Paulo também promovem a confraternização dos migrantes presentes na região. Durante todos esses anos de história do almoço e encontro dos migrantes, os piauienses sempre tiveram uma presença e iniciativa marcantes, com a essencial participação de José Jorge, popularmente conhecido como "Zé Gato", que muito incentivou e contribuiu para que o encontro acontecesse todos os anos.

Como acontece todos os anos, os migrantes e suas famílias participam da missa das 10h e, em seguida, do almoço que tem como cardápio churrasco completo, além de muita música e diversão que proporcionam um belo momento de resgate da cultura e de solidariedade. 

O convite para o almoço custa R$ 18, e toda renda será destinada para as obras de expansão da paróquia. Os convites estão à venda com os representantes dos grupos e pastorais, na loja de artigos religiosos e na secretaria paroquial.  

A Paróquia São João Batista fica na Estrada de Jacarepaguá, 4.450, Rio das Pedras, em Jacarepaguá. Informações pelo telefone (21) 3415-0399. 

 

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.

Paróquia São João Batista promove encontro dos migrantes

02/04/2017 00:00

temp_titleAlmoo_dos_Migrantes_2017_23032017163016

A Paróquia São João Batista, em Rio das Pedras, vai realizar no dia 02 de abril, a partir das 10h, o tradicional almoço e encontro anual dos migrantes. O evento reúne pessoas de diferentes estados brasileiros que migraram para a região sudeste como um gesto de confraternização daqueles que, distantes de suas terras, procuram manter viva a cultura e a riqueza das tradições regionais, de modo particular o povo nordestino.

O almoço faz memória ao trabalho pastoral do padre alemão Lotário Weber, que chegou ao Piauí, em 1963, para a região de Pedro II, onde começou a estreitar os laços com os migrantes que deixaram o Nordeste rumo aos grandes centros urbanos do país em busca de melhores condições de sustento.  

A partir de uma visita realizada por padre Lotário ao Rio de Janeiro, em 1978, para um encontro com famílias de migrantes que se reuniram para um almoço no bairro do Rio Comprido, foi que surgiu a iniciativa de procurar reunir familiares e amigos para celebrar e se confraternizar também em outros locais como na Paróquia São Francisco de Paula, na Barra da Tijuca, apoiado por Frei Dino; depois, na Paróquia Nossa Senhora de Loreto em Jacarepaguá; e, finalmente, em Rio das Pedras, na Paróquia São João Batista, onde o evento acontece até hoje.

Além do Rio de Janeiro, cidades como São Paulo também promovem a confraternização dos migrantes presentes na região. Durante todos esses anos de história do almoço e encontro dos migrantes, os piauienses sempre tiveram uma presença e iniciativa marcantes, com a essencial participação de José Jorge, popularmente conhecido como "Zé Gato", que muito incentivou e contribuiu para que o encontro acontecesse todos os anos.

Como acontece todos os anos, os migrantes e suas famílias participam da missa das 10h e, em seguida, do almoço que tem como cardápio churrasco completo, além de muita música e diversão que proporcionam um belo momento de resgate da cultura e de solidariedade. 

O convite para o almoço custa R$ 18, e toda renda será destinada para as obras de expansão da paróquia. Os convites estão à venda com os representantes dos grupos e pastorais, na loja de artigos religiosos e na secretaria paroquial.  

A Paróquia São João Batista fica na Estrada de Jacarepaguá, 4.450, Rio das Pedras, em Jacarepaguá. Informações pelo telefone (21) 3415-0399.